X

FOTOS

Publicada em 15/08/2019 às 00:00 | Atualizada em 14/08/2019 às 12:13

Veja as maiores polêmicas envolvendo o diretor Quentin Tarantino

Conhecido por sucessos como Tempo de Violência e Kill Bill, ele já disse – e fez – coisas bem controversas

Da Redação


Por fim, uma polêmica entre Quentin e sindicatos dos policiais: em outubro de 2014, o diretor marchou e fez comentários sobre o movimento Black Lives Matter, que nasceu para lutar contra a morte de jovens afrodescendentes mortos por policiais ao redor dos Estados Unidos, em incidentes aonde, geralmente, eles estavam desarmados e não apresentando perigo. Ele disse que estava acontecendo um genocídio de negros e latinos neste país e que está ao lado dos assassinados. Policias ao redor dos Estados Unidos se juntaram para boicotar o filme Os Oito Odiados, que estrearia em breve, mesmo após Quentin dizer ao Los Angeles Times: Não disse nunca que todos os policiais são assassinos. Nem deixei isso implícito. Ao invés de examinar o problema de brutalidade policial no país, eles preferiram me escolher para mandar um recado aos famosos que possam se manifestar da mesma maneira.


Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Quem você quer na final do MasterChef Brasil?

Obrigado! Seu voto foi enviado.