X

NOTÍCIAS

Publicada em 22/07/2020 às 11:45 | Atualizada em 22/07/2020 às 11:56

Kim Kardashian se pronuncia pela primeira vez para falar sobre bipolaridade de Kanye West e pede compaixão e empatia

A empresária publicou um longo texto em que abre o jogo sobre a doença de seu marido

Da Redação

Divulgação

Kim Kardashian finalmente se pronunciou após diversas falas polêmicas de seu marido, Kanye West, darem o que falar. Por meio de seu Stories, a empresária publicou um longo texto em que pede compaixão e empatia e reafirma que o rapper sofre com a bipolaridade. Primeiro, ela começa o post dizendo o seguinte:

Como muitos de vocês sabem, Kanye tem transtorno bipolar. Quem tem isso ou tem um ente querido em sua vida que tenha sabe o quão incrivelmente complicado e doloroso é entender. Nunca falei publicamente sobre como isso nos afetou em casa, porque sou muito protetora dos nossos filhos e do direito de Kanye à privacidade quando se trata de sua saúde. Hoje, porém, sinto que devo comentar sobre isso por causa do estigma e equívocos sobre saúde mental.

Em seguida, a mãe de North, Saint, Chicago e Psalm, continua:

Aqueles que entendem doença mental ou mesmo comportamento compulsivo sabem que a família não tem poder, a menos que o membro seja menor de idade. As pessoas que desconhecem ou estão distantes dessa experiência podem julgar e não entender que o próprio indivíduo precisa se engajar no processo de obter ajuda, por mais que a família e os amigos tentem. Eu entendo que Kanye está sujeito a críticas, porque ele é uma figura pública e suas ações no momento podem causar opiniões e emoções fortes. 

E ainda diz:

Ele é uma pessoa brilhante, mas complicada, que além de ser um artista e um homem negro, sofreu a dolorosa perda de sua mãe e precisa lidar com a pressão e o isolamento que são agravados por seu distúrbio bipolar. Aqueles que estão próximos de Kanye conhecem seu coração e entendem que suas palavras às vezes não se alinham com suas intenções. Viver com distúrbio bipolar não diminui ou invalida seus sonhos e suas ideias criativas, por maiores ou impossíveis de serem alcançados por alguns. Isso faz parte de seu gênio e, como todos testemunhamos, muitos de seus sonhos se tornaram realidade.

Por fim, Kim conclui:

Nós, como sociedade, falamos em dar graça à questão da saúde mental como um todo, no entanto, também devemos dar [graça] às pessoas que vivem com doenças mentais nos momentos em que mais precisam dela. Peço gentilmente que a mídia e o público nos dê a compaixão e empatia necessárias para que possamos superar isso. Obrigado por aqueles que expressaram preocupação pelo bem-estar de Kanye e por sua compreensão.

Lembrando que Kanye havia exposto um suposto desejo de Kim de abortar o primeiro filho do casal e, depois, indicou que sua esposa estava tentando interná-lo. 

Logo abaixo, veja as polêmicas do casal:


Quando Chicago, a terceira filha do casal, nasceu, surgiu um rumor que Kanye teria ficado furioso com a esposa. O motivo? As fotos em que ela aparece seminua no Instagram. Isso segundo o que uma fonte contou à People, na época: - Ela não para com sua obsessão com selfies e o corpo. Kanye achou que ela se acalmaria quando o bebê chegou, mas na verdade só piorou, disse a pessoa próxima.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você achou da foto sem retoques de Hariany Almeida?

Obrigado! Seu voto foi enviado.