X

NOTÍCIAS

Publicada em 21/01/2022 às 00:00 | Atualizada em 18/01/2022 às 17:14

Luiza Tomé estreia primeiro solo em mais de 43 anos de carreira: O coração bate forte o tempo todo

Em entrevista exclusiva para o ESTRELANDO, a atriz falou sobre a peça Louca Para Amar

Letícia Giollo

Divulgação

Nova paixão. Nova personalidade. Luiza Tomé começou 2022 com um baita desafio nas mãos: o primeiro monólogo de sua carreira. A atriz já passou por poucas e boas ao longo de 43 anos nas telinhas e no teatro. Participou de mais de 20 novelas - com destaque para Tieta, Pedra sobre Pedra, Fera Ferida, A Indomada e Dona Xêpa -, mas nada se compara com o nervosismo de ter o seu primeiro solo na peça Louca Para Amar. Com direção de Rogério Fabiano, o espetáculo é inspirado no best-seller Louca Por Homem, de Claudia Tajes. Na trama, Tomé interpreta Graça, uma mulher que adquire uma nova personalidade a cada fim de relacionamento: já virou especialista em sexo tântrico, se despiu dos bens materiais, conheceu o misticismo, virou fumante, judia ortodoxa, obsessiva por limpeza, nacionalista, boêmia, esportista... Não tem jeito! A ansiedade por ser amada faz com que Graça incorpore os desejos, as características e os enganos dos outros. Em entrevista exclusiva ao ESTRELANDO, Luiza conversou sobre a experiência de produzir e ainda entregou qual é a sensação de ter o público em suas mãos.

O convite para fazer parte da peça foi me dado pelo meu querido amigo Rogério Fabiano, que dirige o espetáculo. Logo de cara, adorei o texto e me identifiquei muito com a personagem, relembrou.

Assim como a personagem, Tomé é uma verdadeira camaleoa. Além de protagonizar a história, a artista também é a produtora do espetáculo - e garante saber conciliar os dois com a mesma facilidade que Graça troca de personalidade como quem troca de roupa.

A experiência de produzir é maravilhosa, sinto as rédeas do meu trabalho.

Baseadas nas loucuras de quem já se apaixonou pelo menos uma vez na vida, o público consegue facilmente se identificar com a jornada de Graça que, após quebrar a cara tantas vezes, irá descobrir a melhor relação: com ela mesma. 

Pode-se esperar muitas gargalhadas da minha personagem. Ela é uma mulher apaixonante e muito divertida, disse Tomé.

O texto inédito de Tajes, que mostra os bastidores das paixões arrebatadoras pelos olhos de uma mulher, é o primeiro monólogo da carreira da atriz. Quando questionada sobre a sensação, ela disparou:

O coração bate forte o tempo todo. Desta vez, eu estou em cena sozinha, tendo que manter o público em minhas mãos.

Louca Para Amar está em cartaz no Teatro Renaissance, em São Paulo, até o dia 25 de fevereiro.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Assim como Tadeu Schmidt, você usaria uma peça de roupa combinando com a de seu (sua) amado (a)?

Obrigado! Seu voto foi enviado.