X

NOTÍCIAS

Publicada em 28/10/2016 às 19:19 | Atualizada em 28/10/2016 às 19:21

Mel Gibson reflete sobre declarações antissemitas dadas em 2006

Polêmica completa 10 anos e ainda causa problemas ao ator

Da Redação

Getty Images

Mel Gibson está finalmente dirigindo um novo filme depois de Apocalypto, de 2006. Esse ano, também, completam 10 anos de uma das maiores polêmicas entre as inúmeras que ele já se envolveu. Em julho de 2006, o ator foi preso por dirigir embriagado e agrediu verbalmente os policiais, com ofensas a judeus. Ele se desculpou alguns dias depois, mas a polêmica ainda o afeta até hoje. Em entrevista ao podcast Playback da Variety, Mel Gibson falou sobre o caso:

- Dez anos se passaram. Eu estou me sentindo bem. Estou sóbrio e tudo mais, e para mim é uma coisa fraca, no passado. Não entendo por que depois de 10 anos, isso ainda cause qualquer tipo de problema. Certamente, se eu fosse realmente o que eles dizem que eu era, algum tipo de inimigo, haveria evidência de ações em algum lugar. Nunca houve. Eu nunca discriminei qualquer pessoa ou feito qualquer coisa que justifique essa reputação. E um episódio em que eu estava na traseira de um carro da polícia com oito tequilas duplas acabar ditando todo o meu trabalho e as minhas crenças é muito injusto.

O ator, que recentemente afirmou ter um material vasto de Coração Valente, também aparece como protagonista na recente produção Herança de Sangue.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você acha do casal Bruna Marquezine e Enzo Celulari?

Obrigado! Seu voto foi enviado.