X

NOTÍCIAS

Publicada em 04/11/2016 às 10:20 | Atualizada em 04/11/2016 às 10:36

Filho de Michael Jackson, Prince Jackson fala sobre o pai e sua relação com sua mãe

O herdeiro do Rei do pop revelou que ainda sente muito a perda do astro

Da Redação

Getty Images

Prince Jackson não é o tipo de pessoa que vive estampado nos noticiários, mas o filho do astro pop, Michael Jackson, aproveitou o convite do jornal norte-americano Los Angeles Times para falar como está tentando conquistar o seu próprio espaço no mundo e contar algumas das lembranças que guarda de seu pai.

- A música é uma grande parte da minha vida. Ela forma tudo o que sou por conta da minha família. Mas, eu sempre quis a área de produção. Meu pai me perguntava o que eu queria fazer quando era menor e minha resposta sempre foi produzir e dirigir, contou ele, que recentemente produziu o clipe do rapper Omer O-Bee.

O irmão mais velho de Paris Jackson aproveitou para contar como é viver em Hayvenhurst, uma das propriedades luxuosas do cantor, que fica localizada em Encino, na Califórnia. Segundo o adolescente, sua casa, que conta com um teatro de trinta e dois lugares, um lago de carpas e um estúdio, que foi utilizado para gravar a música Thriller, é repleta de retratos de seu pai.

- Eu sinto que as pessoas apreciam tudo isso muito mais do que eu. Mas, para mim essas são apenas fotos de família. Quando minha avó se mudou para cá foi muito benéfico, manteve toda a dor da morte longe de nós, revelou ele.

Além disso, Prince, que já foi bem elogiado por sua sogra, aproveitou para falar sobre seu vínculo com sua família paterna, dizendo que teve muita sorte em ter sua avó, Katherine Jackson e sua prima, Frances, como figuras maternas. Mas, o garoto também aproveitou para falar sobre Debbie Rowe, sua mãe, que perdeu a guarda dos filhos em 2001.

- Eu tenho muita sorte em tê-las. Quanto à minha mãe biológica, ela sempre foi como uma amiga. E, isso funciona muito bem para nós. Podemos dizer que a minha vida até agora tem sido pouco convencional, mas, eu realmente amo tudo isso, afinal é tudo o que eu conheço, revelou ele.

Ainda sobre seu relacionamento com Michael, que foi o artista que mais faturou após sua morte, o herdeiro contou que embora tente canalizar suas energias e dor em outras atividades, ainda sente muito a perda de seu pai.

- Eu não acho que é uma coisa que você vá esquecendo aos poucos. Sempre será uma parte de minha vida que estará faltando. A única coisa que muda é a maneira como eu vou incorporando isso em minha vida em todos os sentidos, como, por exemplo, o logotipo da minha empresa que tem pequenos pedaços dele, usando suas metáforas e tentando seguir tudo o que ele nos ensinou, desabafou Prince.

E, para finalizar, Prince revelou que ingressou na universidade Loyola Marymount, exatamente no dia 29 de agosto – o dia que teria sido aniversário de seu pai.

- Honestamente, eu só estou indo com o fluxo. Ainda sou jovem, minhas ideias podem mudar. Mas, eu nunca posso me manter separado da memória de meu pai, ele é um grande exemplo.E, eu realmente não tenho problemas com isso. Estou bem orgulhoso em ser seu filho e carregar seu nome, finalizou ele. 

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual maldade falta Josiane fazer em A Dona do Pedaço?

Obrigado! Seu voto foi enviado.