X

NOTÍCIAS

Publicada em 14/02/2017 às 15:59 | Atualizada em 14/02/2017 às 16:24

Halle Berry diz se sentir culpada por seus três divórcios: Nos casamos pensando que vai durar para sempre

A atriz deu uma ou duas lições sobre relacionamentos e criação dos filhos, durante uma entrevista recente

Da Redação

Divulgação

Halle Berry não tem medo de falar sobre seus períodos tristes e sombrios. Segundo o Entertainment Tonight, ela abriu o jogo sobre seus três divórcios, durante o City Summit and Gala

- Eu aprendi a lidar com os três casamentos fracassados, o que não foi fácil, principalmente quando há crianças envolvidas. Como mulher, nós nos casamos pensando que vai durar para sempre e que esse é seu príncipe no cavalo branco. Foi isso que os contos de fadas me ensinaram quando criança... E eu sou tipo uma anti-conto de fadas hoje. Mas nós ainda temos esperança, então quando tudo desaba, você sente como se fosse um imenso fracasso e um grande desapontamento. Eu também me senti culpada e responsável, sofri muito.

A atriz foi casada, mais recentemente, com Olivier Martinez, com quem tem um filho de três anos de idade, com o jogador de baseball, David Justice, e com o cantor Eric Benet: 

- Em cada uma dessas situações, tão difíceis e as vezes embaraçosas como foram, eu aprendi tanto sobre mim mesma. Todos esses relacionamentos foram necessários para mim. Nós todos chegamos aqui com lições a aprender e essas relações me permitiram ter essas lições, me trouxeram até esse ponto. Por isso, eu sou agradecida. Mas foi difícil. Tem sido uma parte difícil da minha vida. 

Hoje, ela tem se dedicado principalmente a ser um bom exemplo pros filhos, levando-os para fazerem doações de brinquedos e levantando bandeiras importantes, como o fim da violência racial

- Eu estou mais consciente do modo como levo minha vida e do que eles me vêem fazendo. Se eu quero que eles sejam gentis, eu tenho que mostrar gentileza a eles. Se eu quero que sejam curiosos, tenho que mostrar minha própria curiosidade. Se eu quero que sejam espertos, tenho que mostrar que eu continuo aprendendo todos os dias. Se quero que sejam generosos, tenho que ensiná-los a doar e cuidar das outras pessoas. Se eu quero que sejam agradecidos, eu tenho que fazê-los saber que precisam pegar seus brinquedos uma vez por ano e doá-los. Eu aprendi que não são só palavras, são as ações por trás delas. 

Ela ensinou uma ou duas coisas para nós também com esse discurso, não? 

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você é igual ao Caio Castro no primeiro encontro?

Obrigado! Seu voto foi enviado.