X

NOTÍCIAS

Publicada em 25/05/2018 às 16:57 | Atualizada em 25/05/2018 às 17:17

Harvey Weinstein é formalmente acusado de assédio e paga três milhões de reais de fiança

Ex-produtor usará um dispositivo de monitoramento eletrônico e não poderá sair da cidade onde mora

Da Redação

Getty Images

Como você viu aqui no ESTRELANDO, Harvey Weinstein se entregou à polícia nesta sexta-feira, dia 25. Mas segundo informações do jornal USA Today, o ex-produtor pagou uma fiança de um milhão de dólares, cerca de três milhões de reais, e foi liberado da prisão. Entretanto, ele finalmente foi formalmente acusado de estupro, ato sexual criminoso e outras posturas inapropriadas na corte de Manhattan, que fica na cidade de Nova York, nos Estados Unidos. Weinstein sofreu acusações de mais de 80 mulheres.

Weinstein concordou em usar um dispositivo de monitoramento eletrônico, pago às suas próprias custas. Ele também só poderá viajar de Nova York a Connecticut. Caso o ex-produtor queira ir para outro estado, ele terá que pedir permissão. Weinstein ainda recebeu um aviso do grande júri e deverá decidir até a próxima quinta-feira, dia 30, se irá testemunhar ou não. 

Uma próxima audição será marcada para o dia 30 de julho. O advogado de Weinstein ainda fez uma declaração sobre o que aconteceu nesta sexta.

O Sr. Weinstein não inventou o teste do sofá em Hollywood, e na medida em que há mau comportamento nesta indústria, não é disso que se trata. Mau comportamento não está sendo julgado neste caso; é somente se você cometeu intencionalmente um ato criminoso, e o Sr. Weinstein nega vigorosamente isso.

Abaixo, confira mais casos de assédio em Hollywood:


Casos de assédio são frequentes, apesar de as mulheres às vezes não se sentirem abertas ou com coragem o suficiente para delatar seus abusadores. Grande parte dessa onda de relatos se dá, principalmente, porque Ashley Judd relatou o seu caso de assédio sofrido pelas mãos de Harvey Weinstein. Em uma reportagem no The New York Times, a atriz abriu as portas para que outros famosos falassem sobre traumas do passado, ao informar que há 20 anos foi convidada por Weinstein para o que seria um café da manhã de negócios em um hotel em Beverly Hills, nos Estados Unidos. Entretanto, ela afirma que ao chegar ao quarto do produtor, se deparou com ele usando um roupão de banho, perguntando se ela não poderia fazer uma massagem nele ou vê-lo tomar banho. Judd afirmou que pensou Como eu saio dessa sala o mais rápido possível sem Harvey Weinstein perceber? Tenso, né? Relembre outros casos de assédio aqui.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Assim como vários famosos, você ficou chocado com a flexibilidade de Gracyanne Barbosa?

Obrigado! Seu voto foi enviado.