X

NOTÍCIAS

Publicada em 16/04/2019 às 08:39 | Atualizada em 16/04/2019 às 08:46

Aretha Franklin faz história ao ser a primeira mulher a conquistar prêmio Pulitzer póstumo

Morta em de 2018, a cantora norte-americana foi a primeira mulher vencedora

Da Redação

The Grosby Group

Conhecida como a Rainha do Soul, Aretha Franklin fez história mais uma vez ao ganhar um prêmio Pulitzer póstumo por sua contribuição para a música e para a cultura norte-americana por mais de cinco décadas. O anúncio, postado na última segunda-feira, dia 15, foi feito por meio do perfil oficial da premiação que homenageia os maiores destaques nas áreas do jornalismo, literatura e composição musical.

A cantora, que morreu no dia 16 de agosto de 2018, aos 76 anos, foi consagrada na categoria Citação Especial do Pulitzer, que já homenageou personalidades como o mestre do jazz John Coltrane e o músico Bob Dylan. Ela, inclusive, é a primeira mulher a receber este prêmio.

Parabéns à Aretha Franklin, sua família e amigos, diz o post, que ainda usou a hashtags Respect, respeito em português, referência a um dos maiores hits dela, e também Rainha do Soul.

Ela, que foi diagnosticada em 2011 com câncer, foi um dos maiores nomes da música e pioneira em várias momentos. Aretha foi, por exemplo, a primeira mulher a fazer parte do Hall da Fama do Rock em 1987, recebeu 44 indicações e 18 estatuetas do Grammy, o Oscar da música e, em 1979, também foi homenageada com uma estrela na Calçada da Fama de Hollywood.

A seguir, confira os famosos lamentaram a morte da cantora!


Ariana Grande publicou uma foto ao lado da cantora com vários corações na legenda.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual casal você gostaria que anunciasse uma gravidez ainda este ano?

Obrigado! Seu voto foi enviado.