X

NOTÍCIAS

Publicada em 10/04/2020 às 14:33 | Atualizada em 10/04/2020 às 15:05

Stênio Garcia desabafa sobre sua demissão da Globo: Era uma perseguição pessoal

O ator ainda confirmou para um seguidor que for escalado para outro trabalho

Da Redação

Montagem-Divulgação

Após a demissão de Stênio Garcia da Globo, como você pode acompanhar aqui no ESTRELANDO, a esposa do ator afirmou que ele chegou a passar mal com a notícia. Na última quinta-feira, dia 9, o artista publicou uma foto de seu personagem Asmodeu, da série Hoje é Dia de Maria, e resolver desabafar sobre o desligamento, no Instagram:

Antes de ser colocado na geladeira, eu fazia dois trabalhos ao mesmo tempo, pois nessa época gravava Carga Pesada simultaneamente a Hoje é Dia de Maria. Ficar encostado, vivendo de salário-base em uma emissora, e sendo minado dia após dia é muito pior que ser demitido. Me questiono porque não me demitiram há sete anos, me poupando de ter tido vários problemas decorrentes a isso.

Ao final da mensagem, Stênio alfinetou a Rede Globo e afirmou que tudo não passava de uma perseguição pessoal:

Quem não vai usar o trabalho do outro tem que dispensar, e não torturar deixando a pessoa encostada. Falo isso porque, com certeza, existem muitos iguais a mim e, hoje, vejo que deveria ter pedido demissão quando vi que a falta de escalação era uma perseguição pessoal. Não deixem ninguém fazer isso com você.

Nos comentários, um seguidor sugeriu que o ator havia conseguido outro trabalho:

Vi em um jornal vespertino que o senhor já conseguiu um trabalho em um filme, procede? Espero imensamente que sim.

E Stênio, para a felicidade do fã, confirmou a notícia:

Sim, mas só quando acabar a pandemia e pudermos sair com segurança. Estamos chegando ao pico, e rezo para que descubram uma vacina. Se proteja e obrigado. 

Confira, abaixo, a publicação:

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Stenio Garcia Real (@steniogarciaator) em

Relembre, agora,  relações conturbadas e brigas de atores com diretores:


Mathieu Kassovitz, que dirigiu Vin Diesel em Missão Babilônia, reclamou da constante interferência do estúdio e seus produtores. Mas também rolou tensão com o protagonista, que não é conhecido por ter um temperamento equilibrado. De acordo com o The Guardian, o astro chegava atrasado para as filmagens e depois falava abertamente sobre o fato de que iria receber horas extras, quando a produção tinha que continuar horas depois.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você acha que ainda existe algo entre Brad Pitt e Jennifer Aniston?

Obrigado! Seu voto foi enviado.