X

NOTÍCIAS

Publicada em 09/07/2020 às 11:31 | Atualizada em 09/07/2020 às 11:31

Luciana Gimenez pede desculpas ao vivo após ser acusada de humilhar convidada em programa

Em entrevista à Sônia Abrão, a apresentadora comentou a situação polêmica

Da Redação

Montagem-Divulgação
Montagem-Divulgação

Luciana Gimenez quebrou o silêncio depois de ser acusada de maltratar convida em seu programa na RedeTV. Em entrevista à Sônia Abrão, no A Tarde é Sua, a apresentadora se retratou ao vivo: 

 - Talvez, ela não tenha gostado da maneira que eu tenha falado aquilo. Por isso, estou pedindo desculpas. Isso não quer dizer que tratei ela mal, que ela saiu de lá triste.Ela saiu felizinha, rindo.  Eu realmente não gostei na minha entonação. Apesar de não ter ido para o ar, peço de novo desculpas pela maneira como falei. Agora, nunca vou vestir a carapuça de que sou machista. Pelo amor de Deus, eu defendo as mulheres. Sempre. Eu sou uma pessoa que não julgo ninguém. Cada um tem o direito de fazer o que quiser. Tenho que tentar entender, disse ela para Sônia Abrão.

Como você viu no ESTRELANDO, Caroline Marchezi, ex de Felipe Araújo, participou do programa SuperPop para contar sobre a polêmica com o ex, o cantor Felipe Araújo. Atualmente, Carol e Felipe enfrentam uma dura batalha judicial pelo valor da pensão alimentícia do filho que tiveram juntos, Miguel. A influencer, então, foi convidada a falar sobre sua experiência e desabafar sobre seu relacionamento com o músico, que segundo ela, também era abusivo. Após a sua participação no programa, Carol mostrou nos Stories um trecho da entrevista, em que as duas discutem sobre os problemas da relação com Felipe. Carol, então, desabafou sobre a sua participação na atração, alegando que ficou extremamente machucada com a postura de Gimenez.

A apresentadora não hesitou em explicar a situação para Sônia, sua colega de emissora. Luciana afirmou que resolveu se pronunciar por causa do filho: 

 - Todo mundo me conhece. Estou fazendo programa ao vivo há 19 anos e, normalmente, nunca rebato nada que falam de mim. Isso não é porque tenho medo ou porque estou errada. É porque quando a gente rebate, a coisa vai tomando proporção muito maior. Isso acontece muito com os famosos. Agora, quando eu vi isso hoje. A Carol, que é uma menina muito bonita, pegou um trecho do programa que não foi ao ar. Ela esperou uma semana e colocou isso (no Instagram) na segunda-feira. Eu não ia falar nada, mas o meu filho Lucas (Jagger) acabou sendo atacado na internet também e falou: Mãe, talvez, você tenha que se explicar. Aí eu resolvei falar! Primeiro, eu jamais trataria uma mulher mal. Eu passei por momentos difíceis quando estava grávida. Fiquei grávida e nunca expus essa situação, mas sei que não é fácil. Então, como eu poderia tratar uma mulher que está passando dificuldade da mesma forma que passei mal? Eu não faria isso jamais. Sou mulher, sei que não é fácil ter um filho e ser mãe solteira, disse.

E continuou: 

- Se ela se sentiu mal, o que pode acontecer porque, às vezes, a gente erra. Ela deveria ter chegado depois e falado: Lu, eu não gostei disso. Eu teria dito na hora: Poxa, me desculpa, vamos pedir para cortar. Ela saiu de lá (da RedeTV!) feliz da vida. A minha produtora a colocou no carro rindo, sorrindo. Eu não sabia que ela tinha se sentido ofendida. O programa não foi todo ao ar. Quando a gente tira do contexto, pode parecer rude. Mas eu digo: Peço desculpas não só para ela, mas para outras mulheres que tenham se sentido ofendidas por essas frases fora do contexto. Eu não quis ofender a Carol. Eu não a ofendi.  Ela esperou uma semana e não colocou a história inteira na internet. Eu dei um conselho para ela e dou de novo no ar: Carol, ele é pai do seu filho. Então, é melhor você guardar isso para você e tentar resolver na paz. O menininho que vai sofrer. Eu conversei com ela e não é porque eu gosto dele ou dela, eu tento ser imparcial, mas é porque tem uma criança envolvida. 

Luciana reforçou seu pedido de desculpas e ainda disse que não gostou da forma que Carol tratou o assunto publicamente: 

 - Se a Carol não gostou da minha atitude e está dizendo que sou machista. Poxa, por que atacar outra mulher na internet com uma coisa que ela não gostou? Ela publicou! Isso tornou-se público. Porque ela não chegou para mim, ao invés de atacar outra mulher, e disse: Lu, eu não gostei? Talvez me desse a chance de falar me desculpa na hora. Então, dois errados não fazem certo. Se eu errei, peço desculpas. Mas o que ela fez também não está certo. Meu filho Lucas está sendo atacado. Não está certo. O que ele tem a ver com isso? Se fiz algo que a magoou e que não foi intencional, o que ela fez foi intencional. Ela esperou uma semana para publicar um pedaço do programa, que foi editado, que tiraram do programa. Então, não entendi. Por isso eu to vindo explicar. Em 20 anos, acho que é a primeira vez que eu me defendo. Mas é que realmente eu não quero que as pessoas tenham a imagem errada da pessoa Luciana. Eu não fui machista. 

Ela também pediu desculpas por frase polêmica em que disse e não foi ao ar, dizendo que Araújo estava tendo que engolir o filho goela abaixo: 

- A maneira que a gente fala, às vezes, pode ofender as pessoas. Realmente, ela pode ter se sentido ofendida ali. Foi errada a maneira como falei e cortaram do programa. Não quer dizer que eu tenha sido machista, porque não sou.  Talvez, o que falei tenha saído de uma forma diferente. Tomarei mais cuidado da próxima vez. Também sou humana. Sinto muito.


Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual famosa você gostaria de ver em um projeto novo da Netflix?

Obrigado! Seu voto foi enviado.