X

NOTÍCIAS

Publicada em 07/08/2020 às 14:45 | Atualizada em 07/08/2020 às 19:08

Xuxa Meneghel abre o coração: Sei que ainda serei muito criticada na vida

Além de um artigo emocionante, ela compartilhou com seguidores e fãs um clique antigo que causou comoção

Da Redação

Divulgação

Xuxa Meneghel abriu o coração em artigo escrito para a Vogue Brasil. A loira, que recentemente foi criticada por Antonia Fontenelle, que é conhecida por suas brigas públicas - e relembrou sua história - assim como as inúmeras críticas e ofensas que já aturou em seus mais de 40 anos de carreira.

Ela começa lembrando que, quando chegou no Rio de Janeiro aos 15 anos de idade, do Rio Grande do Sul, era chamada de caipira. Depois, quando começou a namorar Pelé aos 17, conta que conheceu a maldade real das pessoas: 

 Fui chamada de p**a, interesseira que queria aparecer às custas de um rico famoso, garota de programa de luxo e muitos outros nomes. Quando comecei a trabalhar para crianças, aos 20 anos, fui taxada de loira burra, despreparada. Disseram que eu tinha relações com as Paquitas, com minha diretora e que eu não poderia trabalhar com o público infantil.

Depois, tudo se repetiu quando ela começou a namorar Ayrton Senna, e, aos 35 anos, quando decidiu ter Sasha:

Depois, resolvi ter minha filha aos 35 anos sem me casar e disseram que eu era mau exemplo para os públicos infantil e adolescente. O então ministro José Serra, na época, disse até que eu estava incentivando as jovens a seguir o meu exemplo. Será que trabalhar muito, ter uma conta bancaria alta, ser uma mulher independente, resolver ter filho aos 35 anos, cuidar da saúde, não fumar, não beber, são maus exemplos?

E só vieram mais críticas no relacionamento com Junno Andrade, quando ela raspou a cabeça, sobre sua aparência aos 50 e pouco anos...

Ela cita também o filme Amor, Estranho Amor:

Tem ainda quem quer me atingir falando do filme Amor, Estranho Amor, de Walter Hugo Cury, um cineasta premiado da época. Muitas pessoas nem viram o filme. Para quem não viu, vou contar a sinopse: eu fazia o papel de uma menina de 15 anos comprada no interior para ser dada a um político. Nada a ver com a minha biografia, mas amam dizer que sou eu, a “Xuxa dos Baixinhos” e não a personagem, menina que foi vendida para um prostíbulo - que aliás é um tema tão atual... Sim porque, infelizmente, o tráfico de meninas e meninos para exploração sexual é enorme no nosso país. Eu proponho então que todos, ao falarem desse filme, coloquem nos comentários: se vir algo parecido, denuncie ao Disque 100, porque acredite, essa é uma realidade muito grande no Brasil. Veja bem, é a realidade de muitas meninas, não a minha.

A loira também citou o livro que vai lançar:

Agora, aos 57, quase 60 anos, com a bagagem que tenho - e que não é pouca - estou sendo criticada por escrever livros para crianças. Um em especial, que ainda nem saiu, inspirado na milha afilhada Maya, onde conto a história de uma menina que quer tanto ser amada, quer tanto alguém especial ao seu lado, que Deus lhe dá duas mães. Sim, o meu Deus não é preconceituoso, o meu Deus aceita todos como são.

E, no final, completa:

Sei que ainda serei muito criticada na vida, mas todas as noites eu peço a Deus para me mostrar o caminho onde eu possa ajudar alguém de alguma forma. Agora, eu peço aos intolerantes. Não querem ajudar? Não atrapalhem! O mundo não precisa da sua ignorância, do seu desamor. E eu? Vou continuar rezando meu pai nosso afastai-me de todo mal, amém.

Xuxa compartilha clique nostálgico

No Instagram, Xuxa compartilhou um clique do Xuxa 5, de 1990, e pediu: Conta pra gente as memórias, lembranças e quais músicas vocês mais gostam.

E muitos famosos responderam!

Eu amo o Xuxa 5!, revelou Sabrina Sato.

Eu amo, e essa capa é demais!, elogiou Carol Dieckmann.

Letícia Spiller, ex-paquita, encheu a publicação de coraçõezinhos.

Amo! E Nina ama!, contou Carol Castro, falando sobre sua filha.


Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Xuxa Meneghel (@xuxamenegheloficial) em

Confira, abaixo, mais frases marcantes de Xuxa Meneghel:


Xuxa Meneghel surpreendeu ao raspar os cabelos em 2019, e foi bem certeira ao responder críticas de alguns seguidores na internet. Uma fã escreveu: Ficou horrível, coloca uma peruca, e a Rainha dos Baixinhos não deixou barato, e rebateu: Não quero ser igual a você não, obrigada. Já outra internauta disse: Tá feia, parece homem, e Xuxa rebateu: Vovó, na boa, me respeita pra eu te respeitar, tá?. Já quando questionada sobre porque tinha raspado a cabeça, ela respondeu: Ué, porque eu gosto, porque eu quis, porque o cabelo é meu... Bem direta, né?

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

A gente sabe que as três arrasam! Mas entre Xuxa, Angélica e Eliana, qual a sua favorita?

Obrigado! Seu voto foi enviado.