X

NOTÍCIAS

Publicada em 30/09/2020 às 16:12 | Atualizada em 30/09/2020 às 16:25

Titi Müller revela sua experiência com a libido durante a gravidez: - Transei depois que eu entrei em trabalho de parto

A apresentadora também falou sobre a sua primeira gravidez, onde infelizmente perdeu o bebê

Da Redação

Divulgação

Titi Müller participou do podcast Calcinha Larga e falou sobre sua experiência com a libido durante a gravidez. A apresentadora, que deu à luz Benjamin em junho deste ano, contou que teve relações sexuais com o marido Tomás Bertoni no dia em que entrou em trabalho de parto.

- Eu transei depois que eu entrei em trabalho de parto. Ainda não estava em trabalho de parto ativo, mas a minha bolsa estourou 4 da manhã e eu comecei a ter umas contrações muito leves e gostosas. No início, vinha uma onda de ocitocina... um amor. E eu precisava muito estimular o trabalho de parto e as contrações, porque tem uma negócio de bolsa rota que tem que nascer no máximo em 48 horas, e as minhas contrações estavam demorando muito para engrenar. Aí chamei o Tomás e foi tiro e queda. Eu já estava tendo contração e entrei em trabalho de parto logo em seguida, e lá fiquei. Demorei 31 horas para parir

Isolada por conta da pandemia do novo coronavírus, Titi ainda revelou que não está perdendo peso durante a amamentação.

- Estou engordando tanto quanto ele [o filho]. Chego na pediatra, peso ele, me peso, não sei quem engordou mais. Eu estou com a cara redonda e zero perspectiva de ter alguma motivação para pensar em não comer aquela caixa de Bis. 

Ela também citou a sua primeira gestação, onde infelizmente perdeu o bebê.

- Eu tenho duas experiências bem diferentes de gravidez. A primeira foi uma que durou dez semanas, e acho que descobri bem no início. O tempo em que eu fiquei grávida foi muito mais intenso, na minha cabeça, na primeira vez do que na segunda. Do momento em que eu descobri que eu estava grávida, até o último BETA [exame de gravidez], onde eu não estava mais grávida, eu não dormi por um segundo. Eu parei de tomar medicação no dia em que descobri, então tive uma p**a abstinência. Li muito sobre puerpério, escutei muito podcast sobre maternidade real... E esse bebê foi meio sem querer, porque eu tinha alguns problemas de ovulação, endometriose, trompa, mioma, tudo. E eu achei que iria demorar um tempo para eu engravidar, mas foi de primeira. E eu fiquei super assustada.

- Eu surtei. Comecei a me sentir super culpada porque era um negócio que eu estava planejando e buscando por muitos anos, e quando rolou eu tive sentimentos contraditórios. Eu olhava para o Tomás e pensava P**a que pariu, vou ter que ficar com esse cara. Aí eu perdi o bebê, fiquei nove meses gestando essa ideia do que é, para mim, ser mãe. Se eu realmente queria. E sim, queria. A gente casou no dia 21 do ano passado [2019] e no dia 4, provavelmente no dia do aniversário do Tomás, eu engravidei. E do momento em que eu descobri que eu estava grávida, até o início da pandemia, eu não tive nenhuma crise de ansiedade. Consegui dormir super bem, e eu tenho uma crise de insônia horrível, confessou.

Por fim, admitiu que teve atitudes erradas nos seus relacionamentos anteriores.

- Eu fui traída por todos os namorados que eu tive e eu traí todos também. E eu sofri muito todas as vezes em que eu traí e sofri muito todas as vezes em que fui traída também.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

BBB21: Quem é o seu participante favorito?

Obrigado! Seu voto foi enviado.