X

NOTÍCIAS

Publicada em 09/12/2020 às 19:55 | Atualizada em 09/12/2020 às 20:10

Ao lançar novo EP, Claudia Leitte fala dos fãs: - Eles mereciam receber o meu calor

A cantora ainda comentou sobre a sua parceria na música Rodou com Wesley Safadão

Karina Dias

Divulgação

Claudia Leitte aproveitou a tarde desta quarta-feira, dia 9, para comentar um pouco mais sobre o seu mais novo trabalho, o EP Sol a Sol, que será lançado na próxima quinta-feira, dia 10, e sobre as últimas músicas divulgadas por meio de uma coletiva de imprensa. Uma delas leva o nome Mulherão e a cantora comentou o que é um verdadeiro mulherão em sua visão.

- É aquela mulher que tem a autoestima consciente. A gente não pode ser controlado pelas emoções, a gente tem TPM, chora, mas essas emoções não nos definem de fato. Mulherão, ela sabe que pode contar com outra pessoa, que tem uma saída de emergência, se olha no espelho, se reconhece e diz: 'Eu sou incrível e maravilhosa do jeito que sou. Existe uma vida pra mim'. Essa é a mulherão!

Por conta da pandemia do novo coronavírus tudo teve que ser alterado na hora de produzir um clipe - e até mesmo nas gravações e arranjos musicais. E ao lado (mas nem tanto!) de Wesley Safadão, Claudia Leitte conseguiu gravar o clipe com o cantor com um fundo totalmente em chroma key, na música Rodou.

- Esse foi o clipe mais rápido que eu fiz na minha vida. Fiz meu cabelo, maquiagem e só tinha uma pessoa no set comigo. Acho que demorou mais pra chegar no set do que gravar em si [por conta das medidas de segurançae testes]. Eu curti muito o processo e tal, mas eu sinto falta de uma galera falando. Agradeço a Deus por tudo, mas gosto do normal e não do novo normal, porque eu gosto mesmo é de abraçar e beijar.

Ainda sobre Wesley Safadão, a artista comentou que a letra que eles gravaram juntos em Rodou foi sobre algo que ela já passou na vida e que precisava de um amigo para segurar a mão para ter forças para gravar.

- Eu precisava desse mesmo tipo de pessoa. Eu queria verdadeiramente um parceiro nessa música, porque eu já vivi esse tipo de relação e queria alguém para segurar na minha mão para contar isso de novo, para ter um suporte e as pessoas sentirem o quanto somos conectadas com a gente novamente. [Sobre a parceria], a divisão ritimica dele é muito parecida com a minha e tudo foi acontecendo tão bem entre nós.

E mesmo com o problema do novo coronavírus e tendo que estar distante dos palcos, Claudia consegue tirar energia positiva de tudo isso e ainda revelou que os seus fãs mereciam algo novo vindo dela.

- A minha alegria nao vem da circustância, ela vem do céu.Tenho meus problemas, meus lutos, minhas tristezas, mas eu tenho essa coisa no meu coração que é como o sol. E ela veio [a inspiração]. Meus fãs mereciam que isso transbordasse de mim, eles mereciam receber o meu calor.

Claudinha contou que o seu último show antes da paralisação por causa da quarentena foi no dia 8 de março, fechando o Carnaval, e que agora, depois de nove meses, está nascendo de vez Sol a Sol.

- Meu último show foi no dia 8 de março e eu fui a primeiraa encerrar shows. Estamos dando à luz Sol a Sol depois de nove meses. O sol é uma figura feminina, é um símbolo de esperança porque quando nasce um novo dia a gente tem mais uma oportunidade e ele representa a música da Bahia, a mulher baiana, a mulher feliz, leve.

E consciente sobre o problema que está acontecendo no mundo, a artista contou que mesmo com as vendas de abadá para o seu próximo Carnaval, ela entende que tudo mudou e só voltaremos a ter show e apresentações com aconsciência coletiva.

- Esse album é muito legal porque a gente tinha muitas expectativas de fazer show, mas nada está na mão da gente! Acho que a gente entendeu que a consciência agora é coletiva e só vai rolar se de fato acontecer, se todo mundo puder ir! Eu me amarro nas minhas apresentações. Eu tava com meu Carnaval pronto, a temática, estavamos vendendo o abadá, mas tudo mudou.


Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

De qual lado da confusão da família Medina você está?

Obrigado! Seu voto foi enviado.