X

NOTÍCIAS

Publicada em 19/04/2021 às 18:57 | Atualizada em 19/04/2021 às 18:57

Príncipe Andrew recebe oferta de 40 milhões de reais para falar de acusações de tráfico sexual com detector de mentiras

Jornalista canadense quer esclarecer o caso envolvendo o nome do Duque de York

Da Redação

The Grosby Group

A realeza até tenta abafar, mas as polêmicas envolvendo o nome de príncipe Andrew, filho da Rainha Elizabeth II, continuam a render manchetes. Segundo o Page Six, o Duque de York vem recebendo diversos convites inusitados para ir aos Estados Unidos e passar por um interrogatório usando um detector de mentiras

O jornalista canadense Ian Halperin, inclusive ofereceu cerca de 40 milhões de reais para que Andrew fizesse um teste de polígrafo com um examinador líder mundial. O especialista em jornalismo investigativo quer descobrir a real ligação do monarca com Jeffrey Epstein, acusado de estar por trás de esquemas de tráfico sexual. 

Halperin ficou intrigado com o caso após conhecer a história de Virginia Roberts Giuffre, que afirma ter sido traficada dos Estados Unidos para a Inglaterra aos 17 anos de idade para ter relações sexuais com o príncipe, em 2001. Em entrevista para a BBC, ela afirmou:

Eu sabia que precisava mantê-lo feliz, porque é o que Jeffrey e Ghislaine [Maxwell, então namorada de Epstein] esperavam de mim.

O jornalista ainda defende a teoria de que a Família Real Britânica teria tentado abafar o caso colocando príncipe Harry e Meghan Markle em grande destaque para distrair os veículos de imprensa.

Em declaração ao Page Six, ele disse:

Estou dando a Andrew a chance de finalmente limpar seu nome. Estou oferecendo 5 milhões de libras ao Príncipe Andrew para confessar e fazer um teste de polígrafo com um examinador de polígrafo líder mundial. Se ele for aprovado, meu grupo de investimentos entregará a ele mais de 5 milhões de libras. Faço parte de um grupo de investimento global para impedir o tráfico sexual de crianças. 

O jornalista ainda afirma que Andrew é viciado em sexo e que é um amante ousado.

Uma das ex-amantes de Andrew disse que ele era viciado em sexo porque sempre foi o segundo depois do Príncipe Charles. Ele comparou seu relacionamento com o irmão, com William e Harry. William é visto como material da realeza, assim como Charles, enquanto ele e Harry eram os meninos maus. Isso o levou ao seu estilo de vida de playboy. Ele não estava recebendo atenção; fazia com que ele se sentisse especial ter essas mulheres bonitas em sua cama.

Halperin não tem dúvidas de que Epstein levou mulheres até Andrew, mas não conseguiu provas de que alguma vitima fosse menor de idade. Em 2019, Andrew chegou a dizer que estaria disposto a esclarecer a situação, mas quando foi contatado por agentes do FBI e promotores federais de Nova York, não respondeu nenhuma pergunta sobre o caso. 

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você achou desse suposto envolvimento entre Irina Shayk e Kanye West?

Obrigado! Seu voto foi enviado.