X

NOTÍCIAS

Publicada em 26/05/2021 às 16:23 | Atualizada em 26/05/2021 às 16:43

Polícia envia mandado de prisão após Marilyn Manson cuspir e jogar meleca em cinegrafista; saiba mais

O cantor está sendo procurado pelos oficiais do Departamento de Gilford, na Colombia, Estados Unidos

Da Redação

The Grosby Group

Marilyn Manson se envolveu em uma nova polêmica. Segundo informações do site norte-americano People, o Departamento de Polícia de Gillford, na Colombia, Estados Unidos, anunciou que enviou um mandado de prisão ao cantor (nascido Brian Warner) por duas acusações de agressão criminosa envolvendo um suposto incidente com uma cinegrafista. Tenso, hein?

O incidente teria acontecido em 2019, quando a cinegrafista fazia as filmagens de um show de Manson no estado de New Hampshire. Na ocasião, três testemunhas viram o artista cuspir e atirar meleca na câmera da profissional.

- Ele estava cuspindo em todos os lugares e acabou caindo na câmera dela, então ela limpou e parecia um pouco irritada. Ele percebeu isso e continuou cuspindo de propósito na câmera dela. Acho que a gota d'água foi que ele caiu no chão, ficou a cerca de um metro e meio dela e disparou um foguete gigante contra ela, não contra a câmera. Ela ficou chateada e enojada, então saiu furiosa e ele apenas riu. Eu parei de ouvir a música dele depois disso e disse ao meu marido que nunca mais iria a outro de seus shows novamente

Outra pessoa concordou com o primeiro relato, dizendo:

Eu estava lá quando aconteceu, ela ficou furiosa quando ele fez isso com ela. Ele cuspiu nela algumas vezes e então se inclinou bem perto da câmera e soprou um foguete enorme de meleca nela. Depois que ele fez isso, ela quase jogou a câmera no chão.

Os oficiais ainda enviaram um comunicado à imprensa internacional sobre o pedido de prisão.

O Sr. Warner, seu agente e advogado estão cientes do mandado há algum tempo e nenhum esforço foi feito por ele para retornar a New Hampshire para responder às acusações pendentes. A cinegrafista foi contratada por uma empresa sediada em NH para filmar o show, e estava localizada na área do fosso do palco quando os supostos ataques ocorreram.

O advogado do roqueiro também enviou uma declaração à People.

Não é segredo para ninguém que assistiu a um show de Marilyn Manson que ele gosta de provocar no palco, especialmente na frente de uma câmera. A acusação virou um processo de 35 mil dólares depois que uma pequena quantidade de saliva entrou em contato com o braço da cinegrafista. Depois de solicitarmos evidências de quaisquer alegados danos, nunca recebemos uma resposta. Toda essa afirmação é ridícula, mas continuamos comprometidos em cooperar com as autoridades, como temos feito ao longo do tempo.

Que situação, hein?

A seguir, que tal conferir os famosos com ficha na polícia?


Shailene Woodley foi presa em 2016 em um protesto contra a construção de um oleoduto em uma área indígena dos Estados Unidos. Ela disse que deixou a propriedade privada onde estava assim que os policiais pediram, mas foi presa mesmo assim. Sobre a experiência, ela contou, em entrevista à Marie Claire norte-americana: - Quando você está em uma cela e eles fecham a porta, você percebe que ninguém pode te salvar. Se tiver um incêndio e eles decidirem não abrir a porta, você morre. Você é como um animal enjaulado.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você acha que mais vai rolar dentro do Ilha Record?

Obrigado! Seu voto foi enviado.