X

NOTÍCIAS

Publicada em 23/06/2021 às 16:00 | Atualizada em 23/06/2021 às 17:20

Com tributos à Cássia Eller e Cazuza, As Baías anunciam live para comemorar o mês do orgulho LGBTQIA+

Gloria Groove e MC Rebecca vão estar presentes no show virtual

Thaisi Carvalho

Divulgação

No próximo domingo, dia 27, vai acontecer a Live Show Orgulho das Baías, para comemorar o mês do orgulho LGBTQIA+. Nesta quarta-feira, dia 23, o ESTRELANDO participou de uma coletiva de imprensa com As Baías e convidados especiais que também estarão na live: MC Rebecca, Tássia Reis e All Ice. 

Formada por Assucena Assucena, Raquel Virginia, e Rafael Acerbi, As Baías pretendem fazer uma apresentação especial. Em entrevista, a banda contou os detalhes por trás da ideia de fazer este show:

- A gente teve a ideia de fazer essa live para criar uma conexão com o público. A gente está até agora se acostumando a fazer live. Eu costumo dizer que live para mim parece uma eterna passagem de som. A conexão com o público faz muita falta. Essa foi uma live que a gente começou a produzir trazendo um panorama da carreira d'As Baías, e também homenagens a figuras LGBTs que são muito importantes, são referências para nós todos até hoje, como Cássia Eller e Cazuza. Essa live está vindo muito no sentido de poder conectar a cidade, as pessoas, e trazer um espírito de comunhão e força nesse momento tão delicado, explica Rafael.

- A Raquel tinha trazido há algum tempo a ideia da gente fazer uma live, desde o mês da luta das mulheres, que era o mês de março, e conectando com o orgulho [LGBT]. Já era um projeto que estava sendo vendido e negociado. A gente tinha gravado com Rebecca, mas a gente esperou a ideia maturar um pouco mais e deixou para esse momento tão especial, que é o mês da diversidade, conta Assucena.

MC Rebecca comentou sobre a importância de existirem espaços para as pessoas LGBTQIA+ no mercado, não somente durante o mês do orgulho:

- Acho que falta isso no mercado, trazer mais, porque não é só um dia que a gente está lutando pelos nosso direitos e pelo respeito, é todo o ano. Falta falar sobre isso, não só na internet, mas também praticar.

A funkeira ainda refletiu sobre os preconceitos que sofreu ao longo da carreira:

- Acho que é uma luta diária, não é só no começo, é durante, todos os dias. Também não só no trabalho, mas também na minha vida pessoal. O preconceito está em todo lugar. A gente vai continuar lutando para ter mais respeito.

Assucena também falou sobre como está sendo ficar longe fisicamente dos fãs por causa da pandemia:

- O show, aquele energia do público, ela movimenta muito sua música. Essa conexão é o que vai fazendo circular a sua música, que é o princípio da arte.

Já Raquel afirmou que As Baías estão entrando em outros ambientes musicais:

- Quando a gente lançou a música com a Luísa Sonza, começou a chegar gente de 15, 14 anos e As Baías nunca tinham tido esse público. As Baías tem uma origem de banda universitária, o nosso público sempre foi mais adulto. 

Por fim, Rafael falou sobre o encontro de Gloria Groove com As Baías:

- Essa canção, Freedom, que é um super hino, um clássico do movimento, faz parte de uma campanha da Gloria. Ela fez uma releitura dessa versão. É uma canção muito forte, e Raquel, Assucena e Gloria cantando juntas está uma coisa maravilhosa. 

Live Show Orgulho das Baías vai acontecer no dia 27 de junho, às 18 horas, no canal do YouTube de As Baías e contará com a presença de MC Rebecca, Tássia Reis, All Ice, Gloria Groove e Linn da Quebrada.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Assim como Tadeu Schmidt, você usaria uma peça de roupa combinando com a de seu (sua) amado (a)?

Obrigado! Seu voto foi enviado.