X

NOTÍCIAS

Publicada em 28/11/2021 às 16:20 | Atualizada em 28/11/2021 às 16:44

Preta Gil fala sobre processo de autoaceitação e mostrar o corpo: Você não posta uma foto de biquíni e se ama logo de cara

A cantora está lançando uma parceria com uma marca de roupas para produzir peças com grande diversidade de tamanhos

Da Redação

Divulgação

Preta Gil é muito aberta sobre seus posicionamentos em relação aos padrões de beleza impostos pela sociedade e sempre fala sobre a importância de se autoaceitar.

Em recente entrevista para a Marie Claire, a cantora falou sobre os ataques que já sofreu em relação ao seu corpo.

- Eu sempre gostei de mostrar o meu corpo, mas, primeiro, ele foi muito exposto. Vi o meu corpo sendo atacado logo no início da minha carreira. E foi a partir daí que eu entendi que o meu corpo é político, que ele fala sobre a opressão que as mulheres sofrem no Brasil e no mundo. Eu, por excesso de críticas, já me rendi diversas vezes para a pressão estética.

A cantora está lançando uma parceria com uma marca de roupas, e o objetivo foi tentar produzir peças abrangendo os mais diversos tamanhos e curvas, tanto para homens, quanto para mulheres.

Minha relação com a moda nem sempre foi de amor, mas de dor. A moda sempre pareceu algo para corpos magros e brancos e isso nos é imposto pela sociedade. Muitas marcas não chegam nem ao 44, imagina quem usa 46 ou mais de 50.

Para ela, o processo de autoaceitação foi algo lento, mas na posição de figura pública em que se encontra, é algo de extrema importância:

No começo da minha carreira, quando eu comecei a lutar por isso, nem sabia que era uma bandeira. Eu recebia críticas, mas eu recebia mensagens de mulheres que se viam em mim, agradeciam. Claro que o processo é lento. Você não posta uma foto de biquíni e se ama logo de cara. No início, eu lembro que publicava foto assim e saía correndo. Só que hoje eu sei que quando eu publico uma algo assim, me amando, não estou apenas me representando, mas representando milhares.

A seguir, confira famosas que, assim como Preta Gil, já criticaram a ditadura da beleza!


Giulia Gam é conhecida por ser uma mulher de opinião forte, e em relação a esse assunto, não seria diferente. Em uma participação no Domingão do Faustão, em 2013, a atriz disse que acredita que existe, sim, uma ditadura da beleza no mundo artístico. - Vejo atrizes cada vez mais jovens muito magras. É uma preocupação muito grande em estar magra e acho que o mercado exige isso, refletiu Giulia.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você acredita que Simone e Simaria ainda vão reatar a dupla musical?

Obrigado! Seu voto foi enviado.