X

NOTÍCIAS

Publicada em 16/08/2022 às 10:09 | Atualizada em 16/08/2022 às 11:11

Pérola Faria abre o coração e fala sobre diagnóstico que causou parto prematuro: Dormi chorando

A atriz teve colestase gestacional e decidiu desabafar nas redes sociais

Da Redação

AgNews

Peróla Faria deu à luz Joaquim na última quarta-feira, dia 10, uma semana antes do previsto. Em seu Instagram, a atriz abriu o coração e falou sobre a condição que a obrigou a receber o filho mais cedo.

A artista contou que foi diagnosticada com colestase gestacional, que causa coceiras intensas nos pés e nas mãos. Isso acontece por uma alteração hepática que faz com que as toxinas permaneçam mais tempo no fígado.

Acabou que o Joaquim veio antes porque descobri um quadro, um detalhe que eu já sabia que tinha desde o início da gravidez, que é a questão das enzimas hepáticas muito alteradas. Deu uma alteração, que causou um sintoma muito louco: coceira muito intensa nas mãos e nos pés. Isso pode virar uma coisa muito séria para o bebê e se não prestar a atenção, já era, começou Pérola.

A atriz também elogiou o amado, Mário Bregieira, por ter levado a sério suas reclamações e por ter ajuda a investigar o que poderia ser, evitando que o pequeno Joaquim fosse afetado pela condição de saúde.

Fu investigar o que era isso... Pesquisei no Google, me ajudou a ficar com desespero e sair correndo para ver o que era. Dormi chorando no dia, [pensando] E se for isso, meu Deus? E era. Fui internada e me falaram: Vai ser internada hoje para parir hoje. Foi isso.

Peróla ainda deixou um aviso para as outras futuras mamães e pediu para que elas se cuidem além de levar a sério qualquer sintoma diferente que sintam ao longo da gestação. A colestase gestacional é uma questão muito séria que pode acabar causando a morte do bebê em piores casos.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual dos últimos acontecimentos do mundo dos famosos mexeu mais com você?

Obrigado! Seu voto foi enviado.

Pérola Faria abre o coração e fala sobre diagnóstico que causou parto prematuro: <i>Dormi chorando</i>

Pérola Faria abre o coração e fala sobre diagnóstico que causou parto prematuro: Dormi chorando

17/Jul/

Peróla Faria deu à luz Joaquim na última quarta-feira, dia 10, uma semana antes do previsto. Em seu Instagram, a atriz abriu o coração e falou sobre a condição que a obrigou a receber o filho mais cedo.

A artista contou que foi diagnosticada com colestase gestacional, que causa coceiras intensas nos pés e nas mãos. Isso acontece por uma alteração hepática que faz com que as toxinas permaneçam mais tempo no fígado.

Acabou que o Joaquim veio antes porque descobri um quadro, um detalhe que eu já sabia que tinha desde o início da gravidez, que é a questão das enzimas hepáticas muito alteradas. Deu uma alteração, que causou um sintoma muito louco: coceira muito intensa nas mãos e nos pés. Isso pode virar uma coisa muito séria para o bebê e se não prestar a atenção, já era, começou Pérola.

A atriz também elogiou o amado, Mário Bregieira, por ter levado a sério suas reclamações e por ter ajuda a investigar o que poderia ser, evitando que o pequeno Joaquim fosse afetado pela condição de saúde.

Fu investigar o que era isso... Pesquisei no Google, me ajudou a ficar com desespero e sair correndo para ver o que era. Dormi chorando no dia, [pensando] E se for isso, meu Deus? E era. Fui internada e me falaram: Vai ser internada hoje para parir hoje. Foi isso.

Peróla ainda deixou um aviso para as outras futuras mamães e pediu para que elas se cuidem além de levar a sério qualquer sintoma diferente que sintam ao longo da gestação. A colestase gestacional é uma questão muito séria que pode acabar causando a morte do bebê em piores casos.