X

NOTÍCIAS

Publicada em 20/12/2022 às 17:43 | Atualizada em 20/12/2022 às 17:47

Fernanda Lima relembra trajetória na Rede Globo após anunciar saída da emissora

A apresentadora também contou que não tinha experiência como atriz quando conseguiu seu primeiro papel

Da Redação

Divulgação-TV Globo

Abriu o coração! Fernanda Lima entrou para o clube dos artistas que encerraram contrato com a Rede Globo. Depois de diversas especulações sobre seu futuro na emissora, a apresentadora fez uma linda e curta publicação em suas redes chamando sua saída de relação aberta. A decisão chocou muitas pessoas, porém, Fernanda recebeu uma chuva de elogios e alguns pedidos de vídeos de novelas que ela fez parte.

Obedecendo ao pedido dos seguidores, a artista compilou alguns pedaços de seus papéis em um vídeo e fez um grande desabafo. Ela começou contando como entrou para o mundo da atuação, e confessou que não tinha nenhuma experiência.

Depois do post relação aberta, acabei mergulhando em meu passado para buscar algumas cenas das duas novelas que vocês pediram. O que era pra ser uma busca rápida e divertida acabou mexendo fundo em mim. Nunca fui atriz e não estudei pra esse lindo e difícil ofício, porém assim que minha participação no Video Game se encerrou em 2005, na falta de algum programa pra apresentar, fui testada para o papel de Diana Bullock em Bang Bang, novela faroeste da Globo. Passei. Me joguei completamente naquela aventura, talvez para driblar a minha nenhuma experiência como atriz. Foi duríssimo. Todos os problemas que a novela enfrentou foram creditados a mim. A imprensa me massacrou. Sofri, chorei, ralei muito para dar o melhor que pude quando nem força tinha mais. Quando terminou, fui escalada para encarar mais uma protagonista, a top model metida a besta Maria Bô, de Pé na Jaca. Como sou destemida e não gosto de me esconder, me joguei novamente. Ainda sem muita experiência, cheguei a me divertir com o texto leve e às vezes nonsense (sem noção, em inglês). 

Ela continuou, e falou sobre a sua decisão de parar de atuar e focar somente na apresentação de programas:

Ao fim da experiência de viver dois anos entre estúdios e externas em cerca de 25 cenas por dia, resolvi focar de uma vez por todas no meu objetivo principal que era apresentar programas na TV Globo. Apresentei o documentário drama Por Toda a Minha Vida, um quadro no Fantástico, Pop Star, Superstar e Amor&Sexo. E assim as novelas ficaram pra trás. Nesses anos todos, nunca assisti sequer uma cena que gravei [tenho curiosidade de saber como um ator com tantas cenas consegue assistir o que está fazendo]. Só agora tomei coragem e consegui analisar meu trabalho. Ri bastante dos textos do autor Carlos Lombardi, me emocionei, acompanhei a trama com curiosidade e simpatia e tive vontade de rever todos os amigos que fiz ali. Vejo nas cenas uma atriz inexperiente, mas com muita paixão e vontade de fazer direito. Mas sei que ser ator requer muito mais. Agradeço aqueles que me incentivaram e apoiaram naquela época. Hoje tenho a certeza que aquele não era meu sonho, mas se fosse, talvez eu tivesse desistido. A maturidade é mesmo coisa muito boa.

Que linda trajetória!

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você acha que agora Bruna Marquezine e João Guilherme assumiram o romance?

Obrigado! Seu voto foi enviado.

Fernanda Lima relembra trajetória na <i>Rede Globo</i> após anunciar saída da emissora

Fernanda Lima relembra trajetória na Rede Globo após anunciar saída da emissora

15/Jun/

Abriu o coração! Fernanda Lima entrou para o clube dos artistas que encerraram contrato com a Rede Globo. Depois de diversas especulações sobre seu futuro na emissora, a apresentadora fez uma linda e curta publicação em suas redes chamando sua saída de relação aberta. A decisão chocou muitas pessoas, porém, Fernanda recebeu uma chuva de elogios e alguns pedidos de vídeos de novelas que ela fez parte.

Obedecendo ao pedido dos seguidores, a artista compilou alguns pedaços de seus papéis em um vídeo e fez um grande desabafo. Ela começou contando como entrou para o mundo da atuação, e confessou que não tinha nenhuma experiência.

Depois do post relação aberta, acabei mergulhando em meu passado para buscar algumas cenas das duas novelas que vocês pediram. O que era pra ser uma busca rápida e divertida acabou mexendo fundo em mim. Nunca fui atriz e não estudei pra esse lindo e difícil ofício, porém assim que minha participação no Video Game se encerrou em 2005, na falta de algum programa pra apresentar, fui testada para o papel de Diana Bullock em Bang Bang, novela faroeste da Globo. Passei. Me joguei completamente naquela aventura, talvez para driblar a minha nenhuma experiência como atriz. Foi duríssimo. Todos os problemas que a novela enfrentou foram creditados a mim. A imprensa me massacrou. Sofri, chorei, ralei muito para dar o melhor que pude quando nem força tinha mais. Quando terminou, fui escalada para encarar mais uma protagonista, a top model metida a besta Maria Bô, de Pé na Jaca. Como sou destemida e não gosto de me esconder, me joguei novamente. Ainda sem muita experiência, cheguei a me divertir com o texto leve e às vezes nonsense (sem noção, em inglês). 

Ela continuou, e falou sobre a sua decisão de parar de atuar e focar somente na apresentação de programas:

Ao fim da experiência de viver dois anos entre estúdios e externas em cerca de 25 cenas por dia, resolvi focar de uma vez por todas no meu objetivo principal que era apresentar programas na TV Globo. Apresentei o documentário drama Por Toda a Minha Vida, um quadro no Fantástico, Pop Star, Superstar e Amor&Sexo. E assim as novelas ficaram pra trás. Nesses anos todos, nunca assisti sequer uma cena que gravei [tenho curiosidade de saber como um ator com tantas cenas consegue assistir o que está fazendo]. Só agora tomei coragem e consegui analisar meu trabalho. Ri bastante dos textos do autor Carlos Lombardi, me emocionei, acompanhei a trama com curiosidade e simpatia e tive vontade de rever todos os amigos que fiz ali. Vejo nas cenas uma atriz inexperiente, mas com muita paixão e vontade de fazer direito. Mas sei que ser ator requer muito mais. Agradeço aqueles que me incentivaram e apoiaram naquela época. Hoje tenho a certeza que aquele não era meu sonho, mas se fosse, talvez eu tivesse desistido. A maturidade é mesmo coisa muito boa.

Que linda trajetória!