X

NOTÍCIAS

Publicada em 09/12/2023 às 12:30 | Atualizada em 09/12/2023 às 12:57

Karol Conká revela traumas após participação no BBB

Cantora desabafou sobre desafios de recomeçar a vida depois de rejeição recorde

Da Redação

Agnews

A maior rejeição da história para um participante do Big Brother Brasil. Foi essa informação que a rapper Karol Conká encarou logo de cara ao sair do reality

Apesar de 99,17% dos votos contra ela, a artista desabafou que a pior dificuldade que teve que lidar foi com sua própria rejeição.

Em entrevista ao programa Assim Como a Gente, apresentado por Fátima Bernardes no canal GNT, a ex-moradora da casa mais vigiada do Brasil disse que tudo o que passou no programa fez ela se transformar em uma nova pessoa:

Eu tenho um prazer enorme de aprender com o meu erro. Foi com um exercício de compaixão e empatia que eu consegui dissolver a angústia que eu sentia por ter sido rejeitada, não só por um Brasil todo - que eu aprendi também que não posso falar um Brasil todo, porque é muito grande esse país, mas a maior rejeição que tive de lidar foi a minha, essa foi a que doeu mais. 

Carlinhos Brown, que também participava do programa junto com a rapper, disse que acredita que os artistas negros recebem mais agressividade da reação do público e relembrou seu show no festival Rock in Rio em 2001 em que foi atacado por pessoas na plateia com garrafas: 

-O que nós, Karol e eu, passamos, é o resultado de um experimento geracional. Vejo a Karol como uma pessoa elegantérrima, que sabe se defender. [...] Essa resiliência trouxe uma construção em um país que ainda não se enxerga como miscigenado.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Quem você quer que ganhe o BBB24?

Obrigado! Seu voto foi enviado.

Karol Conká revela traumas após participação no <i>BBB</i>

Karol Conká revela traumas após participação no BBB

29/Fev/

A maior rejeição da história para um participante do Big Brother Brasil. Foi essa informação que a rapper Karol Conká encarou logo de cara ao sair do reality

Apesar de 99,17% dos votos contra ela, a artista desabafou que a pior dificuldade que teve que lidar foi com sua própria rejeição.

Em entrevista ao programa Assim Como a Gente, apresentado por Fátima Bernardes no canal GNT, a ex-moradora da casa mais vigiada do Brasil disse que tudo o que passou no programa fez ela se transformar em uma nova pessoa:

Eu tenho um prazer enorme de aprender com o meu erro. Foi com um exercício de compaixão e empatia que eu consegui dissolver a angústia que eu sentia por ter sido rejeitada, não só por um Brasil todo - que eu aprendi também que não posso falar um Brasil todo, porque é muito grande esse país, mas a maior rejeição que tive de lidar foi a minha, essa foi a que doeu mais. 

Carlinhos Brown, que também participava do programa junto com a rapper, disse que acredita que os artistas negros recebem mais agressividade da reação do público e relembrou seu show no festival Rock in Rio em 2001 em que foi atacado por pessoas na plateia com garrafas: 

-O que nós, Karol e eu, passamos, é o resultado de um experimento geracional. Vejo a Karol como uma pessoa elegantérrima, que sabe se defender. [...] Essa resiliência trouxe uma construção em um país que ainda não se enxerga como miscigenado.