X

NOTÍCIAS

Publicada em 08/01/2024 às 19:42 | Atualizada em 08/01/2024 às 19:44

Leonardo DiCaprio dá rara entrevista sobre vida pessoal: Perda completa da privacidade

O ator ficou conhecido por namorar mulheres muito mais novas do que ele

Da Redação

Divulgação

O ator Leonardo DiCaprio sempre teve um estilão mais discreto, algo que tende a contrastar com todo o glamour que envolve Hollywood. No entanto, apesar de suas poucas aparições nas redes sociais e, até mesmo, em entrevistas, o ator tende a se envolver em diversas polêmicas, mesmo que contra a sua vontade. No último domingo, dia 7, a estrela de 49 anos de idade se sentou para uma rara entrevista ao The Guardian sobre aspectos de sua vida pessoal.

Com Lily Gladstone, sua colega de elenco no filme Assassinos da Lua das Flores, ao seu lado, DiCaprio foi sincero ao ser questionado se ficava incomodado com o interesse da imprensa em sua vida pessoal. Isso porque os recentes namoros do ator tem sido o foco das matérias internacionais, e, principalmente, o fato dele só se relacionar com mulheres muito mais novas.

No que diz respeito à minha vida pessoal, minha resposta é bem simples: entrei neste setor muito jovem. Eu me senti incrivelmente pressionado a fazer isso. E a ironia é que nasci e cresci em Hollywood. As pessoas pensam: Ah, ok, basta adicionar água, certo? Mas tentei me tornar ator várias vezes e fui rejeitado, disse a estrela ao negar a suposta facilidade que as pessoas pensam que ele teve na indústria

E continuou:

Aos 12 ou 13 anos de idade, um desses agentes disse: Ok, vamos tentar. Desde então, foi como ganhar na loteria. E, para ser honesto, eu teria ficado feliz fazendo qualquer tipo de trabalho como ator - comerciais, televisão. Tive a oportunidade única de fazer O Despertar de um Homem [1993] com Robert De Niro. Observei seu trabalho, percebi o nível de ator que ele era e disse para mim mesmo: Nunca vou desperdiçar esta oportunidade. Desde então, muitas outras coisas vêm de mãos dadas com isso [com a fama]. A perda completa da privacidade. E quer saber, muitas pessoas têm que lidar com coisas muito mais difíceis do que ter sua vida privada aberta ao público. [No entanto,] sinto-me muito sortudo por fazer o que faço para depois sentar aqui e reclamar disso. É apenas uma das coisas que você tem que aceitar e se adaptar.

No último domingo, dia 7, o ator compareceu à premiação do Globo de Ouro 2024 para celebrar as indicações de Assassinos da Lua das Flores. Apesar das sete indicações, o filme de Scorsese só levou um prêmio para a casa - mas foi uma baita conquista. Lily Gladstone venceu como Melhor Atriz em Filme Dramático, se tornando a primeira atriz indígena a ganhar um Globo de Ouro.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você acha que agora Bruna Marquezine e João Guilherme assumiram o romance?

Obrigado! Seu voto foi enviado.

Leonardo DiCaprio dá rara entrevista sobre vida pessoal: <i>Perda completa da privacidade</i>

Leonardo DiCaprio dá rara entrevista sobre vida pessoal: Perda completa da privacidade

15/Jun/

O ator Leonardo DiCaprio sempre teve um estilão mais discreto, algo que tende a contrastar com todo o glamour que envolve Hollywood. No entanto, apesar de suas poucas aparições nas redes sociais e, até mesmo, em entrevistas, o ator tende a se envolver em diversas polêmicas, mesmo que contra a sua vontade. No último domingo, dia 7, a estrela de 49 anos de idade se sentou para uma rara entrevista ao The Guardian sobre aspectos de sua vida pessoal.

Com Lily Gladstone, sua colega de elenco no filme Assassinos da Lua das Flores, ao seu lado, DiCaprio foi sincero ao ser questionado se ficava incomodado com o interesse da imprensa em sua vida pessoal. Isso porque os recentes namoros do ator tem sido o foco das matérias internacionais, e, principalmente, o fato dele só se relacionar com mulheres muito mais novas.

No que diz respeito à minha vida pessoal, minha resposta é bem simples: entrei neste setor muito jovem. Eu me senti incrivelmente pressionado a fazer isso. E a ironia é que nasci e cresci em Hollywood. As pessoas pensam: Ah, ok, basta adicionar água, certo? Mas tentei me tornar ator várias vezes e fui rejeitado, disse a estrela ao negar a suposta facilidade que as pessoas pensam que ele teve na indústria

E continuou:

Aos 12 ou 13 anos de idade, um desses agentes disse: Ok, vamos tentar. Desde então, foi como ganhar na loteria. E, para ser honesto, eu teria ficado feliz fazendo qualquer tipo de trabalho como ator - comerciais, televisão. Tive a oportunidade única de fazer O Despertar de um Homem [1993] com Robert De Niro. Observei seu trabalho, percebi o nível de ator que ele era e disse para mim mesmo: Nunca vou desperdiçar esta oportunidade. Desde então, muitas outras coisas vêm de mãos dadas com isso [com a fama]. A perda completa da privacidade. E quer saber, muitas pessoas têm que lidar com coisas muito mais difíceis do que ter sua vida privada aberta ao público. [No entanto,] sinto-me muito sortudo por fazer o que faço para depois sentar aqui e reclamar disso. É apenas uma das coisas que você tem que aceitar e se adaptar.

No último domingo, dia 7, o ator compareceu à premiação do Globo de Ouro 2024 para celebrar as indicações de Assassinos da Lua das Flores. Apesar das sete indicações, o filme de Scorsese só levou um prêmio para a casa - mas foi uma baita conquista. Lily Gladstone venceu como Melhor Atriz em Filme Dramático, se tornando a primeira atriz indígena a ganhar um Globo de Ouro.