X

NOTÍCIAS

Publicada em 02/04/2024 às 14:59 | Atualizada em 02/04/2024 às 15:11

Após ser acusado de agressão verbal, Alexandre Furmanovich diz que Leticia Birkheuer descumpriu ordem judicial

O empresário se pronunciou sobre a polêmica

Da Redação

AgNews

Após Leticia Birkheuer usar as redes sociais para compartilhar um vídeo denunciando o ex-marido, o acusando de tê-la agredido verbalmente e a ameaçado gravemente em um restaurante, Alexandre Furmanovich decidiu se pronunciar. Em uma nota enviada à colunista Mônica Bergamo, o empresário contou a sua versão.

Alexandre teria dito que eles tiveram uma discussão verbal acalorada enquanto o filho deles, João Guilherme, estava no banheiro do estabelecimento. A briga supostamente foi desencadeada após Leticia não cumprir a decisão judicial de ir às visitas do filho de 12 anos de idade acompanhada de uma assistente terapêutica. 

O empresário começou contando que está com a guarda do João Guilherme desde meados de 2022 por razões absolutamente íntimas e que jamais foram expostas publicamente.

Venho a público, considerando a crescente exposição midiática sobre o caso, me manifestar e esclarecer os últimos acontecimentos. Há cerca de 11 anos, eu e a mãe do meu filho, Leticia, nos divorciamos e passamos a manter contatos estritamente relacionados à criação, bem-estar e saúde do nosso filho. Em meados de 2022, por razões absolutamente íntimas e que jamais foram expostas publicamente por mim em respeito à Leticia e ao meu filho, João Guilherme passou a morar comigo em São Paulo. Recentemente, igualmente em razão de fatos extremamente íntimos, a Justiça determinou que as visitas maternas seriam acompanhadas e assistidas por profissional contratada por mim para este fim.

Em seguida, falou sobre o descumprimento da ordem, alegando que naquele dia a ex-esposa havia saído sozinha com o filho e cortou o contato via celular entre ele e o menino. Por conta disso, Alexandre decidiu ir até o local.

Não tenho interesse algum em prejudicar, ofender ou lesionar de qualquer maneira a mãe do meu filho. Minha única preocupação é e sempre foi a integridade física e psicológica de João Guilherme e não medirei esforços para resguardar a saúde do meu filho. Ao receber a referida mensagem, sem notícias ou contato com meu filho, fui até o local e confrontei Letícia sobre o descumprimento da decisão judicial. Infelizmente, ao confrontá-la, acabamos travando uma discussão verbal acalorada unicamente sobre a ausência da assistente terapêutica no local que, vale frisar, não aconteceu na presença de João, que estava no banheiro.

Por fim, o empresário declarou: 

As demais narrativas de Letícia são inteiramente infundadas e difamatórias. No mais, todo e qualquer assunto relacionado ao bem-estar e proteção do meu filho continuará sendo tratado por mim exclusivamente na justiça que, ao contrário das redes sociais, é a seara adequada para a resolução de conflitos.

Leticia

Nesta terça-feira, dia 2, Leticia Birkheuer compartilhou a imagem de uma mulher com a palavra pare escrita em inglês na palma da mão. Na legenda da publicação, a atriz pareceu fazer referência à polêmica ao escrever:

Nada justifica a violência.

Procuradas pelo ESTRELANDO, as assessorias de Leticia Birkheuer e Alexandre Furmanovich não se pronunciaram até o momento da publicação desta matéria. 

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Com a final do BBB24, qual bordão você vai levar para a sua vida?

Obrigado! Seu voto foi enviado.

Após ser acusado de agressão verbal, Alexandre Furmanovich diz que Leticia Birkheuer descumpriu ordem judicial

Após ser acusado de agressão verbal, Alexandre Furmanovich diz que Leticia Birkheuer descumpriu ordem judicial

19/Abr/

Após Leticia Birkheuer usar as redes sociais para compartilhar um vídeo denunciando o ex-marido, o acusando de tê-la agredido verbalmente e a ameaçado gravemente em um restaurante, Alexandre Furmanovich decidiu se pronunciar. Em uma nota enviada à colunista Mônica Bergamo, o empresário contou a sua versão.

Alexandre teria dito que eles tiveram uma discussão verbal acalorada enquanto o filho deles, João Guilherme, estava no banheiro do estabelecimento. A briga supostamente foi desencadeada após Leticia não cumprir a decisão judicial de ir às visitas do filho de 12 anos de idade acompanhada de uma assistente terapêutica. 

O empresário começou contando que está com a guarda do João Guilherme desde meados de 2022 por razões absolutamente íntimas e que jamais foram expostas publicamente.

Venho a público, considerando a crescente exposição midiática sobre o caso, me manifestar e esclarecer os últimos acontecimentos. Há cerca de 11 anos, eu e a mãe do meu filho, Leticia, nos divorciamos e passamos a manter contatos estritamente relacionados à criação, bem-estar e saúde do nosso filho. Em meados de 2022, por razões absolutamente íntimas e que jamais foram expostas publicamente por mim em respeito à Leticia e ao meu filho, João Guilherme passou a morar comigo em São Paulo. Recentemente, igualmente em razão de fatos extremamente íntimos, a Justiça determinou que as visitas maternas seriam acompanhadas e assistidas por profissional contratada por mim para este fim.

Em seguida, falou sobre o descumprimento da ordem, alegando que naquele dia a ex-esposa havia saído sozinha com o filho e cortou o contato via celular entre ele e o menino. Por conta disso, Alexandre decidiu ir até o local.

Não tenho interesse algum em prejudicar, ofender ou lesionar de qualquer maneira a mãe do meu filho. Minha única preocupação é e sempre foi a integridade física e psicológica de João Guilherme e não medirei esforços para resguardar a saúde do meu filho. Ao receber a referida mensagem, sem notícias ou contato com meu filho, fui até o local e confrontei Letícia sobre o descumprimento da decisão judicial. Infelizmente, ao confrontá-la, acabamos travando uma discussão verbal acalorada unicamente sobre a ausência da assistente terapêutica no local que, vale frisar, não aconteceu na presença de João, que estava no banheiro.

Por fim, o empresário declarou: 

As demais narrativas de Letícia são inteiramente infundadas e difamatórias. No mais, todo e qualquer assunto relacionado ao bem-estar e proteção do meu filho continuará sendo tratado por mim exclusivamente na justiça que, ao contrário das redes sociais, é a seara adequada para a resolução de conflitos.

Leticia

Nesta terça-feira, dia 2, Leticia Birkheuer compartilhou a imagem de uma mulher com a palavra pare escrita em inglês na palma da mão. Na legenda da publicação, a atriz pareceu fazer referência à polêmica ao escrever:

Nada justifica a violência.

Procuradas pelo ESTRELANDO, as assessorias de Leticia Birkheuer e Alexandre Furmanovich não se pronunciaram até o momento da publicação desta matéria.