X

NOTÍCIAS

Publicada em 08/05/2024 às 16:27 | Atualizada em 08/05/2024 às 16:44

Luiza Possi revela apuro que passou com stalker em hotel: - Ele sabia de tudo que acontecia no quarto

A cantora foi perseguida após um show no interior de Manaus

Da Redação

Divulgação

É isso mesmo? Durante sua participação no programa Que História É Essa, Porchat?, Luiza Possi contou uma história bizarra, a cantora disse que foi perseguida após realizar um show em uma cidade de Manaus.

De acordo com a artista, a história aconteceu no início de sua carreira, há 22 anos. Luiza ficou tão assustada com o ocorrido, que nem teve coragem de contar para sua mãe, Zizi Possi

— Eu não contei para minha mãe pra não assustá-la. Porque, na verdade a história que o Porchat pediu para eu contar poderia ser a história do filme Pânico… 

Luiza revelou não ter noção do quanto era famosa até ter se apresentado no interior de Manaus. Ela contou que o organizador do evento decidiu leva-lá até para um encontro público com os fãs: 

— O contratante parou o carro no meio da cidade, as pessoas vieram em cima de mim e arrancaram o passante da minha calça, minha boina. Uma loucura. 

Depois do show, a artista foi para seu hotel descansar, até que começou a receber ligações em seu quarto:

— A gente ia embora no dia seguinte e tocou o telefone do nosso quarto, já pós-show. Nós já estávamos indo para o aeroporto, atendemos ao telefone do quarto do hotel. A Ana atendeu: Oi quem é?. É o Luiz. E você quer o que?. Quero falar com a Luiza. Ah, liga mais tarde. Porque a gente já estava indo embora, relatou a artista.

Devido à má condições climáticas, a cantora e sua equipe não conseguiram embarcar no voo, tiveram que retornar para o hotel para irem embora no dia seguinte. Durante a noite, ela não parou de receber ligações do suposto Luiz: 

— Duas horas da manhã, toca o telefone: Você não dorme não? É o Luiz. E eu estou indo aí no quarto, eu estou dentro do hotel.

 A mensagem deixou sua produtora tão alarmada, que ela resolveu avisar na recepção do hotel:

 - Desligamos o telefone e ele ligou: Não adianta ligar na recepção não. Eu juro por Deus, eu falo com você e lembro da sensação de pânico!

Muito assustada, Luiza decidiu chamar seu segurança, que estava no quarto do lado: 

- Aí ligamos para o Souza, que estava no quarto ao lado. Aí o Souza foi para o nosso quarto. E ele ligou de novo. Não adianta ligar para o segurança, que estou chegando. Então eu não sei como ele sabia tudo que estava acontecendo… 

Na manhã seguinte, o perseguidor foi revelado. Possi contou que, na verdade, ele se chamava Carlos, e não Luiz. A cantora ainda brincou que a história a traumatizou tanto, que foi por isso que ela migrou do pop para a MPB

- Isso ficou me assombrando pelo resto da vida! Eu acho até que eu desisti da carreira pop e migrei para a MPB porque eu achei mais tranquilo.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você achou da visita de Ryan Reynolds e Hugh Jackman no Brasil?

Obrigado! Seu voto foi enviado.

Luiza Possi revela apuro que passou com <i>stalker</i> em hotel: <i>- Ele sabia de tudo que  acontecia no quarto</i>

Luiza Possi revela apuro que passou com stalker em hotel: - Ele sabia de tudo que acontecia no quarto

21/Jul/

É isso mesmo? Durante sua participação no programa Que História É Essa, Porchat?, Luiza Possi contou uma história bizarra, a cantora disse que foi perseguida após realizar um show em uma cidade de Manaus.

De acordo com a artista, a história aconteceu no início de sua carreira, há 22 anos. Luiza ficou tão assustada com o ocorrido, que nem teve coragem de contar para sua mãe, Zizi Possi

— Eu não contei para minha mãe pra não assustá-la. Porque, na verdade a história que o Porchat pediu para eu contar poderia ser a história do filme Pânico… 

Luiza revelou não ter noção do quanto era famosa até ter se apresentado no interior de Manaus. Ela contou que o organizador do evento decidiu leva-lá até para um encontro público com os fãs: 

— O contratante parou o carro no meio da cidade, as pessoas vieram em cima de mim e arrancaram o passante da minha calça, minha boina. Uma loucura. 

Depois do show, a artista foi para seu hotel descansar, até que começou a receber ligações em seu quarto:

— A gente ia embora no dia seguinte e tocou o telefone do nosso quarto, já pós-show. Nós já estávamos indo para o aeroporto, atendemos ao telefone do quarto do hotel. A Ana atendeu: Oi quem é?. É o Luiz. E você quer o que?. Quero falar com a Luiza. Ah, liga mais tarde. Porque a gente já estava indo embora, relatou a artista.

Devido à má condições climáticas, a cantora e sua equipe não conseguiram embarcar no voo, tiveram que retornar para o hotel para irem embora no dia seguinte. Durante a noite, ela não parou de receber ligações do suposto Luiz: 

— Duas horas da manhã, toca o telefone: Você não dorme não? É o Luiz. E eu estou indo aí no quarto, eu estou dentro do hotel.

 A mensagem deixou sua produtora tão alarmada, que ela resolveu avisar na recepção do hotel:

 - Desligamos o telefone e ele ligou: Não adianta ligar na recepção não. Eu juro por Deus, eu falo com você e lembro da sensação de pânico!

Muito assustada, Luiza decidiu chamar seu segurança, que estava no quarto do lado: 

- Aí ligamos para o Souza, que estava no quarto ao lado. Aí o Souza foi para o nosso quarto. E ele ligou de novo. Não adianta ligar para o segurança, que estou chegando. Então eu não sei como ele sabia tudo que estava acontecendo… 

Na manhã seguinte, o perseguidor foi revelado. Possi contou que, na verdade, ele se chamava Carlos, e não Luiz. A cantora ainda brincou que a história a traumatizou tanto, que foi por isso que ela migrou do pop para a MPB

- Isso ficou me assombrando pelo resto da vida! Eu acho até que eu desisti da carreira pop e migrei para a MPB porque eu achei mais tranquilo.