X

NOTÍCIAS

Publicada em 15/02/2018 às 09:25 | Atualizada em 15/02/2018 às 09:57

Grande reviravolta em O Outro Lado do Paraíso: Renato aparecerá como o vilão da novela!

O médico planejava matar Clara e colocar suas mãos nas esmeraldas esse tempo todo

Da Redação

Divulgação-TV Globo

Estamos no chão com essa notícia! Segundo informações da coluna Telinha do jornal Extra, o grande vilão de O Outro Lado do Paraíso é, na verdade, Renato! E aí, você esperava por essa? A Clara não tem mesmo muita sorte, né?

O pilantra será desmascarado na segunda quinzena de março, no dia de seu casamento com a mocinha. Tudo começa quando Clara abre uma gaveta para pegar o rosário feito por Elizabeth e acaba encontrando uma pasta antiga de seu pai, que nunca tinha mexido antes. Ao abrir a pasta, ela se choca ao ver uma foto de seu pai ao lado de Renato. Patrick então liga para o hospício onde a amada ficou por dez anos para investigar. Mesmo com o baque, Clara vai ao casamento, mas na hora de proclamar o "sim", ela soltará um "não" muito forte na frente de todos os convidados, e ainda dirá Você quis me matar. Eita!

Em casa, Renato e Clara começam a discutir.

Eu quero saber os motivos. Fui humilhado, em frente a toda cidade. Por que fez isso, Clara, se eu sempre te dei todo meu amor? Por quê?

A mocinha não se deixa abalar pelas palavras do ex e pede para que Patrick traga a pasta. 

- De onde tirou a ideia de que tentei te matar?, questionará o doutor. 

Achei essa foto aqui, na pasta. Você com meu pai. 

Mas teu pai morreu antes dele aparecer no meu bar, aponta Josafá.

- Ele já conhecia o pai e tem mais aqui essas notas, recibos...mostre, Patrick, pede Clara.

Além da foto, ainda será revelado notas ficais em nome de Renato. 

Era você quem comprava os explosivos que mataram meu pai. Meu pai estava certo que no terreno tinha uma mina de esmeraldas. Você sempre esteve atrás das esmeraldas. Mentiu para mim, eu tenho a prova, dispara. 

- Tá bem. Eu sabia. Teu pai, Jonas, era caminhoneiro. Me contou que na terra onde vivia tinha esmeraldas. A gente fez uma combinação... Eu ajudava com os explosivos. Se ele encontrasse um bom veio, a gente dividia. Que crime tem nisso? Eu não quis chegar falando das esmeraldas. E logo que cheguei, descobri outras duas pedras preciosas. Teus olhos. Eu gostei de você, à primeira vista. Reconheço, a primeira mentira puxa outras. Depois de um tempo, eu não podia voltar atrás, contar que tinha conhecido teu pai. Mesmo porque eu sabia do amor que cê tinha por ele. De como sofria por ele ter morrido com explosivos. Eu ajudei a comprar os explosivos sim. Ele acertava as contas cada vez que a gente se encontrava. Quando a Sophia descobriu as esmeraldas, quis me certificar. Eram realmente esmeraldas. Em tudo isso, que eu fiz de errado? Acredita em mim, Clara, eu te amo.

A mocinha não acredita.

Renato, nos últimos tempos seu plano ficou mais evidente. Eu estava decidida a casar com você, talvez por isso não quis enxergar. Mas você insistia que a minha última vingança seria tomar as minas de esmeraldas da Sophia. A Lívia esteve aqui antes. Ela me alertou, mas eu só juntei as peças quando vi as notas fiscais dos explosivos. Ela me disse que você queria a guarda do Tomaz. Que casou com ela para conseguir a guarda e ter o controle das esmeraldas. Tomaz fazia parte do seu plano. Por isso quis me matar. Quando vi a foto de você com meu pai, as notas dos explosivos, o Patrick conseguiu o telefone do hospício e ligou para lá. Apresentou-se como advogado e fez uma pergunta simples. Eu não sei como não fiz essa pergunta antes. Se os médicos são informados sobre todas as regras do hospício quando são admitidos. Eu não sei como não investiguei isso logo que voltei. Todo médico, quando admitido, recebe um livreto, onde tudo é explicado. Inclusive sobre os enterros, no mar. Você sabia que meu caixão seria jogado no mar, Renato.

É então que o médico finalmente confessará os seus crimes, se transformando cada vez mais à medida em que a ex-noiva dispara acusações.

Você estava casado com a Lívia e sabia que mais cedo ou mais tarde, os dois, juntos, iriam conseguir a guarda do Tomaz. Mesmo que não conseguisse, a Lívia é herdeira das esmeraldas, o Gael nunca foi bom em negócios. Um dia as esmeraldas viriam para você. Mas então...você descobriu que eu estava viva. Você sabia que um dia, eu poderia voltar. Eu, a verdadeira mãe do menino. Eu poderia tomar as minas de esmeraldas. E você resolveu impedir que isso acontecesse.

Não resolvi sozinho. Acredita que eu tava sozinho nessa?, surpreende o médico.

Neste momento, um flashback entrará na tela com uma conversa entre Renato e Sophia. A megera diz que Clara nunca sairá do hospício, e o doutor questionará a possibilidade de um médico dar alta ou Gael descobrir que a mulher está internada lá.

Sophia, eu só preciso que controle a Lívia, e me ajude a conseguir emprego naquele hospício.

- Tenho muitos contatos. Conseguir o emprego será fácil. Promete se livrar da Clara?

No presente, Clara diz que tudo aconteceu muito rápido e quer saber se o ex estava disposto a passar anos no manicômio.

Eu só precisava de um caixão pra te botar dentro, solta Renato.

Devastada, a bela percebe o que o vilão fez com Beatriz.

- Tão velha, não é? Foi só dar os remédios errados, diz, sem o menor remorso.

Patrick, então, vai com tudo para cima do rival. 

Maldito. Matou minha tia!

Gael chega para separar os dois e se vira contra Renato, dizendo que ele pode ser preso.

Com que provas? Ela tomou remédios legais, e a essa altura o corpo tá no fundo do mar. Nunca vão achar nada contra mim e você, grande advogado, sabe disso. O resto vocês já sabem. Eu botei a Clara no caixão. Só nunca imaginei que ela ia se livrar. Mas quando você voltou, Clara, e ainda mais rica, eu sabia que seria questão de tempo pra você tomar a guarda do menino. Me aproximei. Ajudei nas vinganças... pra você ter confiança em mim. E se não fosse essa maldita pasta, que eu nem imaginava que existia, agora a gente ia estar casado.

Você ia conseguir tudo. Diga. Depois de casado comigo, com a guarda do meu filho... e o controle das minas das esmeraldas, que você ia fazer? Qual era o seu plano?, pergunta Clara.

- Te matar, dispara o médico, sem pudor. 

- Não vou tentar mais nada contra você. Estou vingada. Viveu a vida toda para ser dono das esmeraldas. Mas nunca vai conseguir. Vou ter meu filho de volta e as esmeraldas serão minhas. Essa é minha vingança, garante Clara, mandando o doutor sair da casa. Tenso, hein? 

Clara denunciará Gustavo

E a vingança da mocinha continua. Segundo informações da colunista Patrícia Kogut, Clara descobre que Gustavo é o sócio misterioso do bordel e o denunciará para um oficial de justiça, com provas e testemunhas.

Nádia tem noite caliente com Odair

A revelação de que seu marido é sócio do bordel fará com que Nádia tenha uma noite daquelas com Odair. Ela se separará do vilão e ordenará que o gato tenha um caso com ela, para que todo mundo saiba que ela passou por cima de toda a situação. 

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual famosa mais te surpreendeu ao ter seu nome envolvido na polêmica de Arthur Aguiar?

Obrigado! Seu voto foi enviado.