X

NOTÍCIAS

Publicada em 02/02/2019 às 16:00 | Atualizada em 02/02/2019 às 15:14

Rapper Tekashi 6ix9ine se declara culpado diante das nove acusações que sofreu

Desde novembro de 2018 o artista tem lidado com a justiça por conta dos crimes que cometeu

Da Redação

Divulgação

E as polêmicas que cercam o mundo do rap continuam firmes e fortes. O TMZ publicou uma matéria neste sábado, dia 2 de fevereiro em que mostra que o rapper Tekashi 6ix9ine disse ao assumir sua culpa, no dia 23 de janeiro de 2019, diante das nove acusações criminais que sofreu.

Conhecido por ter colaborado com a Nicki Minaj na música Fefe, ele foi acusado, dentre outras coisas, de crimes com armas de fogo, de traficar drogas e também de se envolver com uma gangue.  Sobre sua participação, que começou em 2017, com a organização criminosa estadunidense chamada Nine Trey Bloods, ele declarou:

- Eu paguei uma pessoa para atirar em um membro rival da Nine Trey a fim de assustá-lo. O tiroteio aconteceu em Manhattan. Eu fiz isso para manter ou talvez aumentar meu prestígio na gangue.

Ele também assumiu ter vendido um quilo de cocaína ainda em 2017 e fez um pedido de desculpas:

- Eu peço desculpas à corte, a todos que se machucaram, à minha família, amigos e fãs por tudo que eu tenho feito e também por todos aqueles que eu deixei na mão.

Em novembro de 2018 ele já havia sido indiciado e, de acordo com o TMZ, agora há a possibilidade de ser condenado a prisão perpétua, apesar de o fato de ele estar colaborando com a polícia poder ajudar a diminuir o tempo de pena dele. A sentença final será dada no dia 24 de janeiro de 2020.

 Relembre abaixo outras polêmicas que marcaram o mês de janeiro de 2019:




E não foi só essa confusão que Blac Chyna se meteu. Recentemente, ela foi confrontada pela polícia após um grupo ter chamado as autoridades por uma briga feia que Chyna teve com o namorado, o rapper Kid Buu. Os dois estavam em um hotel na região do Havaí, nos Estados Unidos, e chamaram a atenção pela postura agressiva, que assustou até mesmo pessoas que conhecem o casal. Uma fonte contou os detalhes para a People: - Alguém do grupo deles ligou para o 911 [número de emergências nos EUA]. A segurança do hotel escoltou policiais e paramédicos para uma suíte, onde Blac Chyna estava com algumas pessoas. Foi uma situação mais disse me disse, ambos tinham queixas para a polícia, mas no final ninguém foi preso ou levado para o hospital. Os dois estavam sob influência de alguma coisa e esse não é um incidente típico do hotel. Na verdade, o comportamento deles foi 100% inadequado.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você achou do final de Game of Thrones?

Obrigado! Seu voto foi enviado.