X

NOTÍCIAS

Publicada em 22/05/2019 às 12:56 | Atualizada em 22/05/2019 às 13:16

Natalie Portman nega namoro com músico 16 anos mais velho: - Interessado de um jeito inapropriado

A declaração da atriz se deu após Moby falar que os dois haviam se relacionado em 1999

Da Redação

Montagen-The Grosby Group

Natalie Portman decidiu abrir o jogo sobre as declarações feitas pelo músico Moby de que os dois teriam namorado no passado. De acordo com o jornal The Telegrah, a atriz concedeu uma entrevista para a revista Harper’s Bazaar em que rebate as informações contidas no livro Then It Fell Apartdeclarando que não houve uma checagem de fatos, e que sua lembrança da época é muito mais sobre um homem bem mais velho ter um comportamento bizarro.

Na biografia, que foi lançada esse ano, Moby alega que Portman deu em cima dele no camarim de um de seus shows quando ele tinha 33 anos de idade e ela 20 anos. 

Eu era um careca sempre bêbado e Natalie Portman era uma linda estrela de cinema. Lá estava ela no meu camarim, flertando comigo, diz um trecho da publicação.

O músico ainda revela que os dois começaram a sair e ele tentou ser seu namorado, mas eventualmente a atriz colocou um fim na relação após conhecer outra pessoa, o que foi um alivio para ele, porque significava que não precisaria contar para ela sobre seus problemas de ansiedade.

No entanto, para Natalie, as coisas não aconteceram dessa forma. Primeiro, porque ela tinha 18 anos de idade, não 20, quando eles se conheceram, em 1999. 

- Eu fiquei surpresa ao ouvir que ele caracterizou o curto período em que nos conhecemos como namoro, porque minha lembrança é muito mais sobre um homem bem mais velho tendo um comportamento bizarro comigo quando eu tinha acabado de me formar no Ensino Médio. Ele disse que eu tinha 20, mas eu com certeza não tinha. Eu era uma adolescente. Tinha acabado de fazer 18 anos, revelou a atriz à Harper's Bazaar.

Ela ainda continua:

- Não houve nenhuma checagem de fatos dele ou de seu editor, quase parece deliberado. Ele ter usado essa história para vender seu livro foi muito perturbador para mim. Não foi o caso. Tem muitos erros factuais e invenções. Eu gostaria que ele ou seu editor tivessem me contatado para checar os fatos.

Portman ainda aproveitou para dar a sua versão da história ao declarar que tudo aconteceu de uma maneira estranha e inapropriada.

- Eu era uma fã e fui a um de seus shows quando me formei. Quando nos conhecemos depois do show ele [Moby] disse: vamos ser amigos. Ele estava em turnê e eu estava trabalhando, gravando um filme, então nós apenas saímos algumas vezes antes de eu perceber que ele era um homem mais velho interessado em mim de um jeito que parecia inapropriado.

Assim que a entrevista foi ao ar, não demorou para que o próprio músico se pronunciasse. Por meio de um post no Instagram, ele disse:

Eu recentemente li um artigo no qual Natalie Portman diz que nós nunca namoramos. Isso me confundiu já que nós, de fato, namoramos. E depois de namorarmos brevemente em 1999 nós continuamos amigos por anos. Eu gosto de Natalie e respeito sua inteligência e ativismo. Mas, para ser honesto, eu não consigo entender por que ela iria ativamente distorcer a verdade sobre o nosso (mesmo que breve) envolvimento. A história mostrada no meu livro Then It Fell Apart é verdadeira, com várias evidências fotográficas que a corroboram.

Para finalizar, Moby ainda acrescentou.

Eu completamente respeito o possível arrependimento de Natalie em me namorar. Para ser justo, eu também provavelmente me arrependeria, mas isso não altera os fatos reais da nossa breve história romântica.


Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por moby x?x (@moby) em



Até o momento a atriz não comentou a resposta de Moby. Mas, durante a entrevista, ela ressaltou a importância do movimento Time's Up, que luta contra a cultura de abuso e assédio na indústria do cinema.

- Isso deu às mulheres a habilidade de dizer: nós estamos essencialmente sendo silenciadas e envergonhadas e agora nós vamos nos posicionar. Há uma força coletiva real quando várias mulheres se unem. É triste que precise de tantas de nós para sermos ouvidas, mas a força disso tem a mesma força de uma declaração legal sendo implementada.

A seguir, confira as declarações feministas mais encorajadoras do entretenimento!


Jennifer Lawrence também já fez declarações sobre a diferença entre salários de homens e mulheres. Em carta, ela falou: Eu não queria ficar lutando por alguns milhões de dólares que - depois de ter estrelado duas franquias [X-Men e Jogos Vorazes] - eu realmente não precisava... Cansei de tentar encontrar a maneira fofa de marcar minha opinião e continuar sendo simpática. Jeremy Renner, Christian Bale e Bradley Cooper todos lutaram e conseguiram negociar bons contratos para si. No mínimo eles foram elogiados por serem duros e estratégicos, enquanto eu estava preocupada em parecer uma fedelha sem conseguir o que era justo. E ainda relembrou o caso do vazamento de dados da Sony: Quando aconteceu o vazamento da Sony e eu soube como estava ganhando menos que os caras com pintos, não me irritei com a Sony. Eu me irritei comigo mesma. Eu falhei na negociação porque desisti muito cedo. Não queria brigar por milhões de dólares que, francamente, graças a duas franquias eu não preciso. Para a Vanity Fair, a atriz também desabafou sobre o caso de fotos íntimas suas terem sido divulgadas na internet: - Só porque eu sou uma figura pública, só porque eu sou uma atriz, não significa que eu pedi por isso (…) É o meu corpo, e deveria ser uma escolha minha, e o fato de que isso não foi escolhido por mim é absolutamente nojento. Eu não consigo acreditar que nós vivemos em um mundo como esse.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual menininha nasce primeiro: a filha de Tatá Werneck ou de Fernanda Lima?

Obrigado! Seu voto foi enviado.