X

NOTÍCIAS

Publicada em 29/06/2019 às 00:01 | Atualizada em 28/06/2019 às 17:58

Os Barbixas comemoram 15 anos de companhia e brincam: Nosso objetivo a longo prazo é ser a Sandy & Junior da comédia

Cia. Barbixas estreia espetáculo inédito para comemorar carreira

Guta Valente

Divulgação

A Cia Barbixas está completando 15 anos de existência e, para comemorar, o trio de humoristas Anderson Bizzocchi, Daniel Nascimento e Elidio Sanna se apresentará com o espetáculo inédito Clássicos do Improviso Mundial, no Teatro J. Safra em São Paulo, apenas neste fim de semana. Em duas únicas apresentações, que acontecerão no sábado e no domingo, dia 29 e 30, o espetáculo traz cenas de improviso nunca feitas pelo grupo, que promete surpreender com atuações memoráveis e que relembram grandes temas do passado, músicas inesquecíveis e novas histórias. Em bate-papo com o ESTRELANDO, os Barbixas, sempre muito bem-humorados, celebraram o marco especial na carreira:

- Quando a gente comemorou os dez anos do Improvável em 2017, a gente achou que estava perto do fim. Alguém que comemora os dez anos de alguma coisa, principalmente no teatro, não tem condições de durar. Então quando chegou em 2019 a gente falou: Nossa está completando 15 anos! Então percebe que é algo é muito divertido saber que há 15 anos fazemos algo relacionado ao humor, a arte e no teatro. É muito legal para a gente.

O improviso, claro, não ficou de fora da entrevista e quando questionados se achavam que a companhia não duraria mais 15 anos, Anderson brincou: 

- A gente sempre acha que vai acabar! É insuportável ficarmos os três juntos. Aprendemos com grande grupos de pagode que você lota mais se você está fazendo uma reunião ou uma despedida. Shows sempre lotam com Grupo tal se reunindo pela ultima vez! Agora a gente sempre está falando que é nossa última turnê!

Daniel Nascimento completou o colega e revelou a grande meta do trio:

- O nosso objetivo a longo prazo é ser a Sandy & Junior da comédia. Ainda falta uma pausa considerável de alguns anos para falar que a gente voltou, mas estamos nessa fase de falar que é a última turnê, então não percam!

Anderson ainda explicou como o trio consegue se manter no improviso em tempos de stand up comedy e de uma nova geração do humor totalmente voltada para o YouTube, plataforma que eles utilizam desde o início do grupo: 

- Eu acho que se a gente fizer um paralelo com o stand up, a comédia está mudando muito atualmente...São novos grupos, uma nova geração surgindo por causa do youtube assim como a gente surgiu la atrás. É muito bom pra gente perceber que mesmo com toda onda de stand up, com essa galera nova, é engraçado ver que eles, que estão lotando o teatro, chegam na gente e falam que assistem a gente faz anos.

Diferente do stand up, que muitas vezes pede um roteiro, a improvisação se dá pela encenação de situações que surgem na hora. Logo, o humorista desenvolve a piada ao longo de sua atuação. Mas nem por isso os Barbixas deixam de se preparar para o trabalho

- Sempre estamos tentando renovar, a gente treina toda semana, avalia nosso trabalho, faz um trabalho de lapidação, porque pesar de ser improvisado, eu acredito que a gente já deve ter feito mais de 400 cenas em aeroporto e todas elas são diferentes, então é muito tentador você querer fazer uma piada que você já fez e sabe que funcionou, mas a primeira regra do improviso é: não faça isso!, explica Anderson. 

Elidio Sanna ainda comentou como é a relação da namorada, Samara Felippo, com seu trabalho. Em tom de piada, ele contou que assim como a família dos rapazes, ela também acompanha os espetáculos no limite do possível:

- Nossa família acompanha a gente no limite do desespero mesmo! Ela é igual! Evitando o máximo possível para não querer parar de olhar na minha cara.

Já quando o assunto é improvisação fora dos palcos, o trio mostra que é habilidoso até mesmo na hora de dar aquela enrolada na namorada:

- A gente improvisa na relação também até porque a gente sempre esquece de comprar presente! A gente dá presente de mimica para namoradas e esposas e elas usam a imaginação para elas ganharem o que elas quiserem. É uma caixa que não existe e elas abrem. Se ficam bravas, a gente fala que está faltando imaginação!, debocha Daniel Nascimento. 

E se o objetivo é se tornar os irmãos Sandy e Junior da comédia, o mesmo não se pode dizer da relação que eles mantém nos bastidores. Diferente da lenda que persegue os pais da dupla de cantores, o trio garante que se dá bem apesar da convivência que existe há mais de 15 anos:

É muito tempo juntos, mas a gente só viajou uns três anos sem o advento do smartphone. Então, depois as viagens passaram a ser silenciosas mesmo, cada um no seu smartphone. A gente é tranquilo, não tem briga não, tem aquelas lendas de que Chitãozinho e Xororó não se falam! A gente é de boa, só discordamos, às vezes, de coisas artísticas mesmo. De resto, sem discordâncias, finalizou Anderson.


Serviço:

Apresentação: 29/06 a 30/06
Horário: sábado às 21h e domingo às 20h
Classificação: 12 anos
Duração: 60 minutos
Endereço: Teatro J. Safra - Rua Josef Kryss, 318 - Barra Funda - São Paulo - SP

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você está ansioso para o nascimento do filho de Marília Mendonça?

Obrigado! Seu voto foi enviado.