X

NOTÍCIAS

Publicada em 27/07/2019 às 13:01 | Atualizada em 27/07/2019 às 13:14

Johnny Depp revela que foi hospitalizado após ex-esposa, Amber Heard, queimar seu rosto com um cigarro, diz site

O ator também teve uma pequeno vitória no processo de difamação que move contra ela

Da Redação

Divulgação

Mais capítulos se desenrolam na polêmica envolvendo Johnny Depp e Amber Heard. Dessa vez, o ator está alegando que sofreu agressões de sua ex-esposa. Ele fez isso logo após vencer uma pequena disputa no processo de difamação que move contra a atriz. 

Os dois se casaram em 2015 e separam antes mesmo de completar dois anos do matrimônio. A treta começou quando Amber publicou um artigo no jornal Washington Post falando sobre como havia sido vítima de violência doméstica. Após ler o texto, Johnny se sentiu atacado pela matéria e abriu um processo de 50 milhões de dólares, aproximadamente 190 milhões de reais, contra a ex-esposa.

Segundo o tabloide The Blast, Amber tento mudar o local em que o processo estava sendo tocado para a Califórnia, mas Johnny queria que ele continuasse no estado da Virgínia. O juiz do caso decidiu em favor do ator de Piratas do Caribe, na última quinta-feira, dia 25. Na visão do magistrado, como tudo começou após uma matéria em um jornal do local, não faz sentido que o julgamento aconteça em outro lugar. 

Ainda de acordo com a publicação, por mais que o nome do astro não seja citado em nenhum momento do artigo, o time de defesa dele afirma na matéria que: 

- Depende na premissa central de que a senhorita Heard foi uma vítima de agressão doméstica e que o senhor Depp cometeu violência doméstica contra ela. 

Um dia após a vitória de Johnny, o site USA Today publicou uma matéria com alegações de que o ator teria sido vítima de agressões de Amber, um mês após o casamento deles o advogado do astro, Adam Waldman, mandou um email para a publicação em que contava uma história de quando os dois atores estavam viajando na Austrália.

Segundo o profissional, após saber da existência de um acordo pré-nupcial, Amber surtou e atacou seu então marido com uma garrafa, cortando parte do dedo dele. Após isso, ela ainda teria queimado o rosto dele com um cigarro, o que fez com que o ator fosse hospitalizado. Adam ainda afirmou que esse foi apenas um dos incontáveis ataques violentos da atriz. 

Do outro lado da história, o advogado de Amber, Eric George, também mandou um email para o site em que dizia: 

Este ato frívolo é só um dos últimos esforços de Johnny Depp para silenciar Amber Hears. Ela não será silenciada. 

Pelo jeito, essa história está longe de acabar. Relembre abaixo as famosas que já sofreram violência doméstica: 


Segundo o jornal Extra, Gretchen revelou em sua biografia que já apanhou do ex-marido, pai do seu filho Sérgio Aversani. - Fui agredida diversas vezes por ele. Ao reler o livro, aquilo voltou como se seu estivesse vivendo aquele momento de novo. Era tudo muito parecido com o personagem de Dan Stubalch, naquela novela Mulheres Apaixonadas. Inclusive, quando assistia àquelas cenas, eu chorava muito, porque foi muito parecido com aquilo. Sofri todo o tipo de agressão que uma pessoa pode imaginar. Às vezes, ele pegava até arma. Não gosto nem de lembrar.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você acha que Fernanda Souza e Thiaguinho podem reatar o casamento?

Obrigado! Seu voto foi enviado.