X

NOTÍCIAS

Publicada em 18/05/2020 às 09:09 | Atualizada em 18/05/2020 às 09:56

Após ter alta, Ludmilla fala sobre internação: -Eu estava com medo

A cantora teve pielonefrite aguda complicada e sofreu com dores abdominais

Da Redação

Divulgação

Ludmilla fez uma transmissão ao vivo na noite do último domingo, dia 17, depois de ter alta hospitalar. Como você viu no ESTRELANDO, ela foi diagnosticada com pielonefrite aguda complicada, uma doença inflamatória infecciosa causada por bactérias que atingem os rins. No vídeo, que você confere abaixo, ela falou sobre as fortes dores que sentiu enquanto esteve internada:

-  Tinha me dado aquela dor e estava doendo demais! nada da dor passar. Comecei a sentir febre, calafrios, dor insana, eu estava envergada. Brunna do meu lado de madrugada me viu desesperada e aí chamou minha mãe e aí fomos para a emergência. A dor era infernal, não passava. Eu fiquei com os dedos cruzados para não ser apendicite, que tem que operar às pressas, contou ela. 

No dia seguinte, ela voltou ao hospital por causa das dores que não passavam e descobriu que estava com a doença:

- A  mulher me examinou, falou que eram os rins e eu fiquei preocupada: Você estava com uma bactéria de uma infecção urinária, subiu para os rins e passou a fazer pus nos rins. Eu não queria ir pro hospital por causa do coronavírus, mas ela disse que se eu demorasse mais um pouco eu estaria ferrada. Ela disse que eu teria que ficar internada. 

Bem-humorada, a cantora relembrou como foi descobrir que iria tomar morfina, por causa das dores:

Ela me deu remédio na veia e depois voltou perguntando se eu ainda estava com dor. Eu chorava de dor, aí ela falou que ia me dar morfina e eu:  Caraca, é o remédio do Michael Jackson!. Eu estava com medo. E eu pensava: se vai acabar com minha dor, pode me dar morfina, moça. Fiquei com soro e morfina na veia, mas aí comecei a ficar com prisão de ventre e ela me deu outro remédio. Mas foi muito sofrido, doeu muito, minha família e eu ficamos tensos. 

Ela ainda falou sobre a felicidade de estar em casa, ao lado da família, revelando também como o apoio dos fãs foi essencial nos últimos dias:

Todos ficamos juntos e isso me ajudou. Minha mãe ia para lá todos os dias, a Brunna também e foi isso que aconteceu. Depois fiquei sem dor. Fiquei muito feliz! Eu queria pular, beijar, abraçar o mundo. Deem valor à vida, à saúde, porque você pode ter hospital, dinheiro, mas não ter saúde, não poder usufruir disso, não adianta nada. Deem valor às pessoas que vocês amam e que cercam vocês. E vejam sempre pelo lado positivo, com esperança e se dediquem a Deus 

Já em casa, Lud deu detalhes sobre a recuperação, afirmando que ainda segue em tratamento:

Estou em tratamento ainda, tomando remédio e fazendo dieta, já que tem coisas que não posso comer. Queria agradecer todas as orações, mensagens que vocês me mandaram. Isso foi muito importante. A gente quer desanimar, aí você pega o seu celular e tem tanta gente que te ama, que precisa do seu sorriso. 




Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual famosa mais te surpreendeu ao ter seu nome envolvido na polêmica de Arthur Aguiar?

Obrigado! Seu voto foi enviado.