X

NOTÍCIAS

Publicada em 01/06/2020 às 08:17 | Atualizada em 01/06/2020 às 08:57

Isolada há oito anos, Rita Lee fala sobre velhice e relembra tempos de palco

A cantora ainda revelou o que tem vontade de conhecer - e tem a ver com óvnis

Da Redação

Divulgação

O isolamento social está sendo muito difícil para algumas pessoas, que sentem falta de ver e interagir com amigos, colegas de trabalho e família. Esse, no entanto, não é um problema para Rita Lee, que há oito anos vive isolada com seu marido, Roberto de Carvalho, em seu sítio na Grande São Paulo, cercada por seus inúmeros animais. Durante uma conversa com a repórter Renata Ceribelli para o Fantástico na noite do último domingo, dia 31, a cantora explicou sua opção de vida:

- Eu já sou uma profissional [em quarentena]. De repente eu me vi envelhecendo, e o envelhecer pra mim foi uma surpresa, porque eu nunca fui velha [risos]. Fiquei com vontade de viver minha velhice afastada dos palcos, não dividindo isso com o público. Meu jeito de me expressar no palco não tinha limites físicos, eu ficava de ponta cabeça, eu caia no chão, eu mostrava a bunda, eu fazia palhaçada, era uma delícia. Ficando velha, o corpo físico não me permite fazer o que eu fazia.

Apesar desse afastamento, Rita garante que está bem, principalmente no aspecto mental. Segundo ela, seus 73 anos de idade são motivo de orgulho e representam uma nova fase de amadurecimento:

- É uma fase de feitiçaria feminina, eu acendo incensos, eu rezo, eu benzo a casa, perfumo. Então eu tenho as minhas feitiçarias que me inspiram a vontade de continuar vivendo apesar dessa loucura toda que está acontecendo no mundo. Eu gosto das minhas rugas, eu respeito as minhas pelancas. Eu já fui loura, já fui ruiva, já tive o cabelo da cor do sol, agora os meus cabelos tem a cor da lua, são brancos.

73 anos de idade? Para a cantora, é isso mesmo. Rita revelou à Renata que, durante a quarentena, decidiu adiantar a data do seu aniversário:

- Eu nasci no dia 31 de dezembro, último dia do ano. Nunca tive uma festa minha, é sempre Hoje a festa é sua, hoje a festa é nossa, é de quem quiser. Não, eu quero uma festa só pra mim. [risos] Aí eu escolhi o dia 22 de maio para fazer aniversário, que é o dia de Santa Rita de Cássia.

A estrela do rock brasileiro também revelou que nunca se considerou feminista, apesar de questionar os moldes machistas que o Rock ‘n Roll tinha na sua época:

- Nos anos 60, o Rock ‘n Roll era coisa de menino. Tinha até um bordão que falava que pra fazer Rock ‘n Roll tinha que ter culhões. Eu falei Ah é? Pois eu vou fazer com meus ovários e útero mesmo

Rita ainda diz que tem vontade de experimentar coisas novas, e revelou qual é a principal delas:

- [Eu gostaria de] ser abduzida por um disco voador. Eu acho que [os extraterrestres] são nossos irmãos das estrelas.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

A gente sabe que as três arrasam! Mas entre Xuxa, Angélica e Eliana, qual a sua favorita?

Obrigado! Seu voto foi enviado.