X

NOTÍCIAS

Publicada em 17/05/2021 às 16:40 | Atualizada em 17/05/2021 às 16:43

Kate Middleton estava desesperadamente infeliz na escola e sofreu bullying por ser desengonçada e esguia

A Duquesa de Cambridge estudou em um colégio interno só para meninas, quando tinha 13 anos de idade

Da Redação

Divulgação

Parece que a escola não foi um período tranquilo para Kate Middleton. Segundo o Daily Mirror, Katie Nicholl, escritora especialista na família real, a esposa de príncipe William estava desesperadamente infeliz e sofria bullying. Quando adolescente, ela estudou na Downe House, um colégio interno apenas para meninas. 

Emma Sayle, que estudou com a Duquesa de Cambridge, deu os seguintes detalhes:

- Todo mundo queria ser a melhor, a mais apta, a mais bonita. Eu acho que Kate estava infeliz desde o início. É uma escola muito restrita e houve muita pressão. Todas as meninas eram grandes realizadoras e havia muitas meninas com distúrbios alimentares.

Na época de sua adolescência, Kate era mais alta e esguia do que as outras meninas. Ela ainda entrou na escola quando já tinha 13 anos de idade, ou seja, ela perdeu dois anos para fazer amizades e entrou como a novata na escola. Além disso, por não ter entrado no time de Lacrosse, Kate foi provocada por ser desengonçada e esguia.

Katie Nicholl ainda conversou com outra colega, Georgina Rylance:

- Faz diferença ir aos 11 [anos de idade].Vocês têm dois anos de união, sua primeira vez longe todos juntos. Até mesmo algumas das garotas mais populares da minha escola passaram por momentos difíceis quando chegaram aos 13 anos. 

Nicholl também disse:

-Por ser especialmente esguia e uma cabeça mais alta do que suas colegas, ela se destacou pelos motivos errados e foi provocada por ser desengonçada e esguia.

Quando Kate foi informada que era muito sensível, ela resolveu sair dessa escola. 

Cameron, a diretora do colégio, contou:

- Ela pode muito bem ter se sentido como um peixe fora d'água ou, infelizmente, não estar no lugar certo. Certamente, não tenho conhecimento de nenhum tipo de bullying sério. Mas existe o que todos chamam de bullying, e existe o bullying real, real e miserável, em que alguém passa por momentos terríveis.Isso certamente não aconteceu. Sim, haveria provocação. Tudo faz parte da competição normal de crescimento, de estabelecer uma hierarquia.

Ela ainda continua:

- As meninas são grosseiras por natureza e podem ser bastante cruéis. Se você também for atraente, isso pode ser visto como uma ameaça. Elas podem sentir aqueles que estão um pouco mais fracos ou que ainda não mostraram seus pontos fortes, e são essas garotas que provavelmente acabarão sendo atormentadas ou provocadas.Acho que é justo dizer que ela estava inquieta e não particularmente feliz. Talvez no caso de Catherine ela simplesmente tenha ficado quieta e não disse nada.

Complicado...

Logo abaixo, veja 21 famosos que deram a volta por cima e superaram o bullying!


Zoe Saldana também sofreu com a maldade das crianças em sua infância. A atriz tinha problemas para encontrar amigas e, por isso, chegou a um ponto em que simplesmente desistiu.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você achou de Juliette na live de Gilberto Gil?

Obrigado! Seu voto foi enviado.