X

NOTÍCIAS

Publicada em 23/08/2021 às 13:40 | Atualizada em 23/08/2021 às 14:18

Rainha Elizabeth II planeja se vingar de príncipe Harry e Meghan Markle e quer processar casal por difamação, diz jornal

Enquanto isso, um membro da Guarda da Rainha teria sido preso por abuso sexual

Da Redação

Montagem-Divulgação

Parece que o polêmico desentendimento entre o príncipe Harry e Meghan Markle com a família real britânica pode estar próximo de seu ápice - isso porque, de acordo com fontes do jornal Daily Mail, a Rainha Elizabeth II estaria planejando processar judicialmente o casal Sussex por difamação.

Como você acompanhou aqui no ESTRELANDO, a tensão entre o par e a monarquia cresceu depois que o casal fez diversas acusações contra os membros da realeza britânica durante uma entrevista com Oprah Winfrey. Agora, segundo as informações do veículo, um novo acontecimento fez com que a rainha decidisse contatar advogados especialistas em difamação para lidar com o neto.

A nova ofensa de Harry e Meghan para com a família real seria um suposto capítulo de uma biografia sobre a realeza que ainda não foi lançada, no qual uma fonte ligada aos Duques de Sussex teria afirmado que a monarquia britânica não assumiu sua culpa diante das denúncias feitas pelos pais de Archie Harrison e Lilibeth Diana. Isso teria feito com que a rainha ficasse exasperada com os repetidos ataques, e decidisse tomar medidas drásticas, conforme relata o Daily Mail:

A rainha ordenou que os principais assessores do palácio planejem uma revanche legal depois de ficar irritada com os repetidos ataques de Harry e Meghan à família real.

O The Sun, por sua vez, conta que especialistas analisam que o sentimento de revolta vindo de cima é o que basta para que a bomba-relógio exploda:

Há um limite para o quanto será aceito e a rainha e a família real só podem ser pressionadas até certo ponto. Eles estão procurando por advogados. Harry e Meghan serão informados e saberão que ataques repetidos não serão tolerados.

Já em relação à nova biografia sobre a família real e a autobiografia do próprio príncipe Harry, o veículo conta que um aviso legal preventivo aos editores das publicações está sendo considerado - e especialistas analisam que a situação pode ficar desagradavel para os Duques de Sussex:

Se alguém fosse citado no livro e acusado de algo diretamente, isso poderia ser uma calúnia e também infringir seus direitos a uma vida familiar privada. Seria irônico se Harry e Meghan fossem acusados de violação de privacidade devido aos seus pronunciamentos sobre o assunto.

Membro da Guarda da Rainha preso por abuso sexual

Mas este não é o único assunto jurídico ligado à monarquia britânica: de acordo com o jornal Mirror, um membro da Guarda da Rainha teria sido preso após acusações de abuso sexual de dois recrutas recém-chegados ao serviço.

Segundo informações do veículo, um veterano dos Guardas Coldstream teria agredido dois novatos com um brinquedo sexual, em algo investigado com um suposto trote de iniciação. A imprensa britânica relata que as vítimas foram abusadas no contingente de soldados de infantaria e cavalaria localizado em Victoria Barracks, a poucos metros do Castelo de Windsor.

Os Guardas Coldstream, mais conhecidos como a Guarda da Rainha, são um segmento de soldados operacionais cedidos à realeza pelo exército britânico desde 1660, e são responsáveis por guardar a casa de Sua Majestade. Apesar disso, eles ganharam fama entre os turistas por conta de suas feições fechadas, roupas formais e chapéus pontiagudos.

A denúncia vem meses depois que um inquérito dos parlamentares sobre o tratamento de mulheres nas Forças Armadas revelou que cerca de 17 mil membros do serviço militar foram abusados física, racial ou sexualmente em 2020 - além de um segmento da Força Aérea Real do Reino Unido (RAF) ter sido dispersado após a comprovação de abuso sexual de um de seus integrantes.

Diante disso, uma fonte do veículo afirmou que o fato de a Guarda da Rainha ter se tornado algo publicamente tradicional pode fazer com que a eliminação de tal tipo de comportamento seja mais complicado do que em outros setores das Forças Armadas:

O exército está sob enorme pressão para eliminar esse tipo de comportamento. A RAF foi rápida e implacável ao lidar com esse tipo de comportamento e teve a resposta certa. Mas os Guardas Coldstream são o regimento mais antigo do exército e você não pode simplesmente se livrar deles durante a noite.

A seguir, conheça 12 teorias da conspiração envolvendo a família real:


E por fim, uma teoria bem polêmica e inusitada: muitas pessoas acreditam que a Rainha Elizabeth II na verdade é uma reptiliana! Os reptilianos seriam extraterrestres que conseguem mudar suas formas para se parecerem com seres humanos e que conquistaram forte poder político, exercendo controle sobre a sociedade. Mas por quê logo a Rainha Elizabeth II? Bom, muitos conspiracionistas afirmam que ela foi, durante boa parte do século XX, detentora de um grande poder por conta do domínio do Reino Unido sob diversos países mundo afora. Além disso, a saúde da monarca - que já está beirando os cem anos de idade - também chama a atenção, já que os seres reptilianos viveriam por centenas e centenas de anos. E aí, você acreditou?

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você acha que João Guilherme e Duda Reis estão mesmo juntos?

Obrigado! Seu voto foi enviado.