X

NOTÍCIAS

Publicada em 04/11/2022 às 19:08 | Atualizada em 04/11/2022 às 19:08

Johnny Depp entra com recurso na justiça para não pagar Amber Heard

O ator alega que o júri errou e não deve ser responsabilizado

Da Redação

The Grosby Group

A longa história entre Johnny Depp e Amber Heard parece longe de ter um fim. Apesar do final do julgamento e da vitória do ator contra a ex-esposa, Depp foi acusado pelo júri de difamação contra Amber, e por isso, foi determinado a pagar o valor de US$ 2 mil dólares a ela, equivalente a dez mil reais.

Porém, segundo o portal TMZ, o astro de Piratas do Caribe diz que não deve nada a atriz, e agora, entrou com um recurso para não pagar o valor. Eita.

Johnny alega que o júri cometeu um erro, pois quem difamou Amber, em um veiculo de comunicação, foi seu advogado, Adam Waldman. Na ocasião, Adam afirmou que a atriz mentiu sobre a briga que teria motivado o fim do casamento. 

Então, Amber e suas amigas derramaram um pouco de vinho e desordenaram o lugar, colocaram suas histórias diretamente sob a direção de um advogado e publicitário e, em seguida, fizeram uma segunda ligação para o 911, afirmou o advogado.

Para Depp, ele não deve ser responsabilizado pelas palavras de Adam, e ainda completou dizendo que os advogados de Amber não conseguiram provar que o comentário foi de fato malicioso.

Pois é, e a história claro, não acaba por ai. Amber também entrou com um recurso para não pagar Depp. Até o momento, nenhuma das partes recebeu os valores determinados pelo julgamento.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você acha que agora Bruna Marquezine e João Guilherme assumiram o romance?

Obrigado! Seu voto foi enviado.

Johnny Depp entra com recurso na justiça para não pagar Amber Heard

Johnny Depp entra com recurso na justiça para não pagar Amber Heard

15/Jun/

A longa história entre Johnny Depp e Amber Heard parece longe de ter um fim. Apesar do final do julgamento e da vitória do ator contra a ex-esposa, Depp foi acusado pelo júri de difamação contra Amber, e por isso, foi determinado a pagar o valor de US$ 2 mil dólares a ela, equivalente a dez mil reais.

Porém, segundo o portal TMZ, o astro de Piratas do Caribe diz que não deve nada a atriz, e agora, entrou com um recurso para não pagar o valor. Eita.

Johnny alega que o júri cometeu um erro, pois quem difamou Amber, em um veiculo de comunicação, foi seu advogado, Adam Waldman. Na ocasião, Adam afirmou que a atriz mentiu sobre a briga que teria motivado o fim do casamento. 

Então, Amber e suas amigas derramaram um pouco de vinho e desordenaram o lugar, colocaram suas histórias diretamente sob a direção de um advogado e publicitário e, em seguida, fizeram uma segunda ligação para o 911, afirmou o advogado.

Para Depp, ele não deve ser responsabilizado pelas palavras de Adam, e ainda completou dizendo que os advogados de Amber não conseguiram provar que o comentário foi de fato malicioso.

Pois é, e a história claro, não acaba por ai. Amber também entrou com um recurso para não pagar Depp. Até o momento, nenhuma das partes recebeu os valores determinados pelo julgamento.