X

NOTÍCIAS

Publicada em 15/01/2024 às 08:45 | Atualizada em 15/01/2024 às 09:03

Paolla Oliveira reflete sobre críticas ao seu corpo e dispara sobre sua nova postura: -Liberdade de ter o corpo que eu quiser

Em entrevista ao Fantástico, a atriz e Rainha de Bateria da Grande Rio conta como tem acabado com a cobrança pelo corpo perfeito

Da Redação

Divulgação

Se você está acompanhando minimamente o BBB24, sabe que os comentários feitos em relação ao corpo de Yasmin Brunet têm gerado bastante polêmica - dentro e fora da casa. Apesar de chocar, o caso da modelo não é isolado, e já aconteceu, inclusive, com Paolla Oliveira. Em conversa com o Fantástico no último domingo, dia 14, a atriz falou sobre o assunto e refletiu sobre o fato de estar mostrando mais seu corpo real, sem retoques. 

Rainha da Bateria, Paolla é personalidade certa no Carnaval. Mas, segundo ela, quase todas as vezes em que posta fotos ou vídeos na avenida, acaba recebendo comentários em relação a seu corpo nas redes sociais. 

- Você imagina, me arrumar de achar linda, fazer uma roupa maravilhosa, e você vai para o ensaio. Chego no ensaio, você é gongada, você é massacrada, criticada, você não quer voltar. Eu não estava me sentindo daquele jeito, estava-me sentido bem, feliz.

Com isso, Oliveira conta que tentou rebater, se defender e ser uma ativa na causa da liberdade do corpo feminino: 

- Eu comecei a ver a onda de mulheres admirando, e eu comecei a ver as críticas de um de um olhar um pouco mais afastado. Eu respondo, eu argumento, eu faço vídeos. Eu me sinto corajosa de estar fazendo isso. Do alto do meu privilégio, uma mulher branca padrão, bem sucedida, eu estou falando: Eles não me não me deixam em paz. 

Apesar de toda coragem e resiliência, as consequências vieram: 

- Já me maltratou muito, não queria ver. Eu tinha ataque cardíaco, suava de nervoso de ver uma foto horrível, de ver um braço coisado que não era o que tinha que ser. Então, assim, é uma coisa horrorosa. Eu não acordei um dia e falei assim: A minha pauta da vida vai ser corpo, do nada. Eu fui provocada, estou sendo provocada há anos. Assim, eu imagino que várias mulheres que estão assistindo agora vão sentir também essa provocação. É o tempo inteiro, só que a gente se cala. O estar mais confortável me faz ter mais vontade de falar, de querer subverter os lugares que eu mesma já ocupei, sabe?

Neste ano, Paolla irá desfilar novamente pela sua escola do coração, a Grande Rio. Além do apoio dos fãs, que são maioria na onda de comentários em suas redes sociais, ela ainda conta com o suporte do namorado, Diogo Nogueira, com quem vive um romance desde 2021.

- Eu acho que tudo o que a gente está falando aqui é sobre liberdade, sabia? Liberdade de ter o corpo que eu quiser, de sair do jeito que eu quiser. Se eu puder estar no Carnaval, mas sem ter tanta preocupação, eu vou estar mais feliz, finaliza.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual dos últimos acontecimentos do mundo dos famosos mexeu mais com você?

Obrigado! Seu voto foi enviado.

Paolla Oliveira reflete sobre críticas ao seu corpo e dispara sobre sua nova postura: -<i>Liberdade de ter o corpo que eu quiser</i>

Paolla Oliveira reflete sobre críticas ao seu corpo e dispara sobre sua nova postura: -Liberdade de ter o corpo que eu quiser

14/Jul/

Se você está acompanhando minimamente o BBB24, sabe que os comentários feitos em relação ao corpo de Yasmin Brunet têm gerado bastante polêmica - dentro e fora da casa. Apesar de chocar, o caso da modelo não é isolado, e já aconteceu, inclusive, com Paolla Oliveira. Em conversa com o Fantástico no último domingo, dia 14, a atriz falou sobre o assunto e refletiu sobre o fato de estar mostrando mais seu corpo real, sem retoques. 

Rainha da Bateria, Paolla é personalidade certa no Carnaval. Mas, segundo ela, quase todas as vezes em que posta fotos ou vídeos na avenida, acaba recebendo comentários em relação a seu corpo nas redes sociais. 

- Você imagina, me arrumar de achar linda, fazer uma roupa maravilhosa, e você vai para o ensaio. Chego no ensaio, você é gongada, você é massacrada, criticada, você não quer voltar. Eu não estava me sentindo daquele jeito, estava-me sentido bem, feliz.

Com isso, Oliveira conta que tentou rebater, se defender e ser uma ativa na causa da liberdade do corpo feminino: 

- Eu comecei a ver a onda de mulheres admirando, e eu comecei a ver as críticas de um de um olhar um pouco mais afastado. Eu respondo, eu argumento, eu faço vídeos. Eu me sinto corajosa de estar fazendo isso. Do alto do meu privilégio, uma mulher branca padrão, bem sucedida, eu estou falando: Eles não me não me deixam em paz. 

Apesar de toda coragem e resiliência, as consequências vieram: 

- Já me maltratou muito, não queria ver. Eu tinha ataque cardíaco, suava de nervoso de ver uma foto horrível, de ver um braço coisado que não era o que tinha que ser. Então, assim, é uma coisa horrorosa. Eu não acordei um dia e falei assim: A minha pauta da vida vai ser corpo, do nada. Eu fui provocada, estou sendo provocada há anos. Assim, eu imagino que várias mulheres que estão assistindo agora vão sentir também essa provocação. É o tempo inteiro, só que a gente se cala. O estar mais confortável me faz ter mais vontade de falar, de querer subverter os lugares que eu mesma já ocupei, sabe?

Neste ano, Paolla irá desfilar novamente pela sua escola do coração, a Grande Rio. Além do apoio dos fãs, que são maioria na onda de comentários em suas redes sociais, ela ainda conta com o suporte do namorado, Diogo Nogueira, com quem vive um romance desde 2021.

- Eu acho que tudo o que a gente está falando aqui é sobre liberdade, sabia? Liberdade de ter o corpo que eu quiser, de sair do jeito que eu quiser. Se eu puder estar no Carnaval, mas sem ter tanta preocupação, eu vou estar mais feliz, finaliza.