X

FOTOS

Publicada em 07/04/2021 às 09:54 | Atualizada em 07/04/2021 às 09:54

Ex de Tom Veiga revela que ator contou que foi agredido pela última esposa: A minha verdade é ser a voz dele agora

Alessandra Veiga, que é mãe de uma das filhas do ator, revelou detalhes sobre relação conturbada entre ele e Cybelle Hermínio

Da Redação

X
X
Divulgação

Novas revelações sobre os últimos meses de vida de Tom Veiga foram divulgados pelo jornal Extra, que conversou com uma das ex-esposas do intérprete do Louro José, Alessandra Veiga, que aparece na foto acima ao lado do ator. 

Ela, que é mãe de uma filha com o artista, revelou que soube, através de Tom, que ele teria sido agredido por Cubelle Hermínio da Costa Veiga, a última ex-esposa dele.

- No dia 4 de outubro, depois de a gente se falar por vários motivos e assuntos, o Tom me abordou meio diferente e falou que nunca tinha me falado o motivo da separação dele dessa moça. Aí, ele me mandou as fotos da agressão e a partir dali os áudios. Disse que tinha muita vergonha, que estava se sentindo um lixo, se sentindo mal, à base de calmantes, com muita vergonha. Ele me contou, está nos áudios, que foi agredido depois de uma briga boba, revelou Alessandra ao jornal, que publicou os áudios de Tom, assim como prints da conversa entre ele e Alessandra, enviados por ela.

Tom contou para Alessandra que foi brutalmente agredido e estava com vergonha de contar.

- Tom não tinha uma índole agressiva, ele nunca esperava por isso (suspira). Eu tive que ver tudo aquilo, ouvir tudo, tendo que ser parcial, porque eu não queria ficar dando minha opinião, não queria que ele se sentisse pior do que já estava. Ele disse que estava à base de calmantes e que com muita vergonha. Eu fiquei chocada. De conhecer o Tom, do jeito que eu conhecia, e saber que ele estava passando por uma dessas.

No dia seguinte às agressões, Tom teria procurado seus advogados para dar entrada no pedido do divórcio.

Tom e Cybelle haviam se casado no civil no dia 21 de agosto de 2020, pouco menos de um mês antes da separação. Na ocasião, ele fizeram uma certidão de casamento com separação total de bens. Desde o dia 16 de junho de 2019, eles estavam juntos por um documento de união estável. Três dias antes de morrer, Tom teria contado para amigo que queria retirar Cybelle de seu testamento. 

Para Alessandra, Tom teria dito que a união civil era um apenas um contrato, apenas com a diferença de que foi feito com separação total de bens.

Ela ainda revela que decidiu expor toda a situação, mesmo a contragosto de Tom, por achar que as pessoas precisam saber da verdade:

- Dois meses depois da nossa separação ele começou esse relacionamento. A gente até vinha tentando uma reconciliação, mas eu disse que ele tinha feito uma escolha e que era para assumir o que fez. Para ele, deve ter sido muito difícil confirmar que tinha feito a escolha errada... O que eu tenho para dizer hoje é que, pra mim, não importa qual a decisão da Justiça. A minha verdade é o que ele me falou, e eu acredito nele. Não gosto de falar sobre o que não posso provar. E tem áudio dele falando para provar. Decidi falar isso agora porque aconteceu isso tudo e eu pensei, ele pediu na época ‘não conta para ninguém’. Mas hoje vejo a necessidade de as pessoas saberem, sim. Então, agora eu sou a voz dele.

Para Leo Dias, Alessandra ainda reforçou desconhecer o pedido de exumação do corpo de Tom, dizendo considerar uma agressão ao ex:

- Desconheço o pedido de exumação. Acho uma agressão ao corpo. Não sei se concordo. Me considero parte da família dele. Fui mulher e tenho uma filha com ele e sei que fui a mulher da vida dele. A gente estava sempre em contato, enfim. Isso é outro assunto. Mas por parte da minha família, não tem pedido de exumação. Sei apenas da minha verdade e a minha verdade é tudo aquilo que ele me falou por áudio. Falo apenas sobre o que eu posso provar, disse.

E falou novamente sobre o episódio de agressão:

- Sei sobre essa agressão. O Tom me mandou fotos e me mandou áudios contando sobre isso. Para mim não importa a decisão da Justiça, sabe. Ele confiou a mim a verdade dele e ao advogado dele, apenas. A minha verdade é ser a voz dele agora. Independentemente do que aconteça e seja decidido. Estava engasgado com essa história. Ele me contou isso em setembro de 2020 se eu não me engano, mas posso verificar as datas. Imagino o quanto deve ter sido difícil para ele me contar tudo isso. Imagina ter de relatar que você fez uma escolha errada. Conhecendo bem o Tom, como eu conheço, ele teve de passar por cima de muita coisa para conseguir me confessar isso. O meu ex-marido confiou em mim. E acredito que espiritualmente tudo já estava sendo preparado para que eu soubesse disso tudo e pudesse, hoje, revelar. Como já disse, não sei o que irá acontecer e não me importo com a decisão da Justiça. Mas, agora, com toda certeza, serei a voz dele e não irei ficar com isso guardado apenas para mim.

Por enquanto, Cybelle Hermínio não se manifestou publicamente sobre o assunto. 

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você achou de Juliette na live de Gilberto Gil?

Obrigado! Seu voto foi enviado.