X

NOTÍCIAS

Publicada em 07/05/2018 às 14:21 | Atualizada em 07/05/2018 às 14:50

Biografia de Robin Williams traz à tona luta do ator contra doença degenerativa: - Ele chorava nos meus braços todos os dias

O livro reúne os relatos de amigos do ator para tentar entender como a enfermidade tomou conta de sua vida

Da Redação

Divulgação

Robin Williams no deixou em 2014 após ter se suicidado aos 63 anos de idade, segundo o que foi revelado pelo departamento de polícia de Marin County, na Califórnia. Já nesta segunda-feira, dia 7, veículos como Deadline e The Indian Express trazem a biografia do ator como tema de reportagens, a qual entrega detalhes de seus últimos dias de vida.

Primeiramente, de acordo com o Deadline, o ator estaria sofrendo com a doença de Parkinson, mas, depois, quando o diagnóstico foi realizado, descobriu-se que ele estava com uma espécie de demência, conhecida como demência com corpos de Lewy, que faz com que as proteínas do cérebro cresçam de forma anormal. O meio de comunicação também contou que é uma enfermidade muito comum, perdendo apenas para a doença de Alzheimer. Os sintomas afetam o pensamento, a memória, as emoções e os movimentos do corpo.

Ao falar de Robin, a maquiadora Cheri Minss contou que aconselhou o ator a retornar para os palcos com um stand-up no intuito de sair da depressão, já que ele não parava de chorar por sentir os efeitos da doença:

- Ele chorava nos meus braços todos os dias. Era horrível. Ele me dizia: Não consigo mais, não sei mais como ser engraçado. 

Ela não foi a única a falar do assunto. Pam Dawber, que co-estrelou Mork & Mindy ao lado do comediante em The Crazy Ones, disparou:

- Eu chegava em casa e dizia ao meu marido: Algo está errado. Ele perdeu o brilho. Eu não sei o que é. 

A obra foi escrita por Dave Itzkoff e será lançada neste mês de maio, intitulado como Robin

Triste, né? Enquanto isso, relembre os papéis do ator: 

O Homem Bicentenário
Quando uma família norte-americana compra um robô para ajudar nos afazeres domésticos, não espera que ele venha munido de sentimentos, além de um desejo de ser mais como seus donos. Aos poucos, Andrew Martin vai se transformando em O Homem Bicentenário e acaba finalmente conquistando o que sempre quis ser: um humano.
  • <i>Mork & Mindy</i>
  • <i>Uma Babá Quase Perfeita</i>
  • <i>Gênio Indomável</i>
  • <i>Sociedade dos Poetas Mortos</i>
  • <i>Patch Adams - O Amor é Contagioso</i>
  • <i>Aladdin</i>
  • <i>Bom Dia, Vietnã</i>
  • <i>Jack</i>
  • <i>Jumanji</i>
  • <i>O Homem Bicentenário</i>

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Para quem vai a sua torcida em No Limite?

Obrigado! Seu voto foi enviado.