X

NOTÍCIAS

Publicada em 30/08/2019 às 11:58 | Atualizada em 30/08/2019 às 12:34

Fabiana Justus explica que voltou para a terapia após ser mãe: Fiquei mais medrosa

Para Ticiane Pinheiro, a influenciadora digital falou sobre sua experiência como mãe de gêmeas

Da Redação

Divulgação

Fabiana Justus abriu o jogo sobre sua experiência com a maternidade em bate-papo com Ticiane Pinheiro, que é sua ex-madrasta. As duas, claro, não podiam deixar de citar a coincidência de terem ficado grávidas na mesma época. Enquanto a influenciadora digital deu à luz as gêmeas Chiara e Sienna, a apresentadora teve sua segunda filha, Manuella, fruto da relação com César Tralli.

- Quando que a gente imaginaria que ia ter filha no mesmo ano? Isso é muito louco!, disse Fabiana, que é filha de Roberto Justus, ex-marido de Tici. 

A esposa de Tralli mostrou-se surpresa com a situação inusitada entre elas, que hoje são bastante amigas:

- Conheci a Fabi com 16 anos, quando ela nem sonhava em ser mãe!

A meia-irmã de Rafaella, que é filha de Ticiane Pinheiro, contou para a loira como a garota lida com as bebês:

- Ela é muito fofa, muito carinhosa! Ela é muito boa com criança, mas ela tem cuidado. Percebi que ela é muito cuidadosa, não deixa cair, tá sempre olhando..

Tici concordou e afirmou que sua primogênita também é bastante cuidadosa na hora de ficar com a irmã caçula, Manu. 

A influenciadora digital ainda revelou alguns detalhes sobre como está lidando com a maternidade pela primeira vez. Questionada por Tici sobre o que mais sente falta da vida sem ser mãe, Fabi revelou: 

- Eu acho que mais a espontaneidade de fazer as coisas. Antes eu falava vamos viajar amanha? E era vamos!  E agora não é bem assim, tem que planejar. Eu não sinto falta, acho que aproveitei bem. É importante curtir o casamento porque ai quando tem filho você sente que está preparada. Eu to feliz  com essa nova fase. Quis muito, lutei muito...

A apresentadora ainda colocou Fabiana contra a parede ao perguntar o que ela acha de mais legal na maternidade e o que não é tão legal assim:

- De maravilhoso tem tanta coisa! Acho que esse amor surreal, maior que a gente, que damos a vida. Muda muito a prioridade, muda a vida para muito melhor. Entender esse sentimento é a melhor parte da maternidade. E algo não tão legal é que eu fiquei mais medrosa. Até voltei para terapia, eu tenho medo de acontecer algo com a gente, algo com elas. Dizem que nesse começo é mais intenso e depois vai aprendendo a lidar, confessou ela. 

A seguir, veja o bate-papo completo entre elas: 



Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.