X

NOTÍCIAS

Publicada em 24/01/2020 às 10:20 | Atualizada em 24/01/2020 às 10:27

Atriz de The Sopranos relata em depoimento estupro sofrido por Harvey Weinstein

Annabella Sciorra deu detalhes e foi confrontada pela advogada do produtor: - Você é uma atriz treinada

Da Redação

The Grosby Group

Annabella Sciorra, conhecida por ter vivido Gloria Trillo em The Sopranos, além de ter atuado em séries como Luke Cage e Demolidor, deu o seu depoimento sobre o suposto abuso sexual que teria sofrido de Harvey Weinstein, produtor de Hollywood que está sofrendo processos de inúmeras atrizes, o que desencadeou o movimento Me Too.

Segundo informações do The Guardian, ela relatou o seguinte:

- Ele pegou as minhas mãos e as colocou sobre minha cabeça para segurá-las. E então ele subiu em cima de mim e me estuprou, Annabella relatou ao júri, no tribunal, enquanto o acusado a olhava impassivelmente.

Essa foi a primeira vez, desde que as acusações contra Weinstein ganharam forma, que uma acusadora efetivamente deu detalhes em tribunal sobre os abusos que teria sofrido. 

A atriz ainda explica que após esse ataque, ela entrou em depressão e até mesmo tentou o suicídio, além de passar a beber. Durante diversos momentos de seu depoimento, Annabella chorou.

O ataque aconteceu no inverno de 1993 a 1994, nos Estados Unidos. Ela havia saído para jantar com Weinstein e outros amigos, inclusive Uma Thurman. Perto das dez horas da noite, Annabella quis ir embora e o produtor ofereceu uma carona para ela. Depois, quando já estava se preparando para dormir, Weinstein bateu em sua porta:

- O réu estava lá e abriu a porta. Eu não entendi porque ele estava lá.

Em seguida, ele começou a andar pelo apartamento e a desabotoar sua camisa:

- Eu percebi que, se ele estava tirando sua camisa, que em sua cabeça ele queria transar e eu não queria. Comecei a andar para trás porque eu pensei que poderia chegar até o banheiro. Eu me senti muito dominada porque ele era muito grande. 

Foi, aí, então, que ele a atacou. 

Donna Rotunno, uma das advogadas de Weinstein, disse para Annabella:

- Você é uma atriz treinada, você convence o público de que você é quem quer que seja esse personagem.

Além disso, ela questionou se a atriz buscou ajuda logo em seguida, se ela ligou para a polícia. Para todas as perguntas, Annabella deu uma resposta negativa. Por isso, Rotunno argumentou que a atriz havia feito sexo consensual com o produtor e que havia mentido sobre o estupro.

Ela é a primeira mulher, de seis, a prestar depoimento contra Weinstein. O produtor enfrenta cinco processo, incluindo dois relacionados a estupros, um de forçar o sexo oral em uma mulher e dois de agressão sexual predatória. Todos esses processos podem levar a uma sentença perpétua na prisão.

Logo abaixo, relembre homens que foram acusados de assédio:


John Lasseter, chefe de animação da Disney e da Pixar, que dirigiu grandes filmes como Toy Story, Carros e Vida de Inseto, anunciou para seus funcionários o afastamento de seu cargo após o The Hollywood Reporter reunir uma série de acusações de má conduta. O site norte-americano relatou que fontes informaram que John era conhecido por agarrar, beijar e fazer comentários sobre aparência física. A atriz Rashida Jones e seu parceiro Will McCormack teriam até desistido de escrever o roteiro de Toy Story 4, por causa do assédio de Lasseter. Em comunicado interno, ele não fala sobre o assédio, mas pede desculpas se alguém se sentiu desrespeitado ou desconfortável por causa de conversas dolorosas e erros que ele cometeu durante a carreira. Recentemente tive diversas conversas que foram muito dolorosas para mim. Nunca é fácil assumir erros, mas é a única forma de aprender. Como resultado, tenho pensado muito no líder que sou hoje comparado ao mentor, defensor e exemplo que quero ser. Foi me dito que fiz alguns de vocês se sentirem desrespeitados e constrangidos. Essa nunca foi a minha intenção. Coletivamente, vocês são o meu mundo e me desculpo profundamente se os decepcionei. Quero me desculpar especialmente com qualquer um que tenha recebido um abraço indesejado ou qualquer gesto, de qualquer forma ou maneira, que pareça inapropriado. Não importa o quão benigna tenha sido minha intenção, todos tem o direito de estabelecer os próprios limites e tê-los respeitados, disse em comunicado. Lasseter ainda continuou e afirmou que irá se afastar do cargo por causa das acusações: Por mais difícil que seja para mim me afastar de um trabalho que amo e de um time que tenho em alta consideração, não apenas como artistas, mas como pessoas, sei que isso é o melhor para todos agora. Minha esperança é que esses seis meses sabáticos sejam a oportunidade de me cuidar melhor, recarregar e me inspirar, voltando com discernimento e perspectiva que preciso para ser o líder que vocês merecem.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você está achando da reprise de Fina Estampa?

Obrigado! Seu voto foi enviado.