X

NOTÍCIAS

Publicada em 24/04/2020 às 23:03 | Atualizada em 24/04/2020 às 17:33

Fábio Porchat fala de quarentena, processo de criação de Homens? e diz que fatos do Que História é Essa, Porchat? podem inspirar série

Em entrevista ao ESTRELANDOO, o ator e apresentador falou sobre a segunda temporada do seriado

Gabriela Gonçalves e Lygia Haydée

Divulgação

Fábio Porchat já provou por a mais b seu talento. Ator, apresentador e roteirista, ele agora está na segunda temporada da série Homens?, que fez muito sucesso na primeira temporada e que segue a mesma linha nessa segunda etapa. E não para por aí! Porchat ainda continua tocando o programa Que História é Essa, Porchat?, que apresenta no GNT, assim como Papo de Segunda, outra atração que comanda no canal pago.

Mesmo na quarentena por conta do novo coronavírus, o trabalho continua a todo vapor, já que ele segue produzindo conteúdo para os programas, assim como mantém outros projetos, como o Porta dos Fundos, por exemplo. E foi no meio desse turbilhão de informações que Porchat separou um tempinho para bater um papo com o ESTRELANDO, falando sobre as novidades que Homens? traz para as telinhas.

Confira a entrevista a seguir:

ESTRELANDO - Homens? foi uma série de comédia que tocou em vários pontos bem polêmicos em sua primeira temporada, teve a aprovação do público e está voltando agora para a segunda temporada. Apesar do feedback positivo até então, nesta temporada ainda existe um certo medo de tocar em certos assuntos e ser mal interpretado?

Fábio Porchat - Pois é, justamente por Homens? sempre tocar nesses temas, no início ficamos com muito receio de como o público ia receber. Ficamos muito felizes que a aceitação foi ótima, por parte dos homens e das mulheres. A gente sempre fica preocupado em como tocar nesses assuntos delicados, porque a piada tem que ser engraçada - se por acaso ela for muito agressiva, perde a graça e a função dela, então ficamos muito em cima de cada detalhe nessa série, mais do que nas outras, para quando formos falar desses assuntos, não sermos mal interpretados. Por isso, quando escrevo roteiros com o time de roteiro, fazemos uma leitura com os atores - as atrizes leem e dão as opiniões delas em cima do texto e do que elas observaram, para tentarmos acertar comicamente o máximo possível.

ESTRELANDO - Alguma das histórias contadas no Que História é Essa, Porchat? foi usada como inspiração para acontecimentos da segunda temporada de Homens?

Fábio Porchat - O Que História É Essa, Porchat? não foi usado como inspiração, mas poderia. Já tivemos tantas histórias: gente que transou em cima da árvore, várias de motel, que dão para usar. Agora você me deu até uma boa ideia, vou pensar nisso (risos).

ESTRELANDO - Apesar da quarentena, a gente está vendo que você não parou de produzir conteúdo, inclusive para o Papo de Segunda e nem para o Que História é Essa, Porchat. Como foi se adaptar a esses novos formatos?

Fábio Porchat - Por conta da quarentena, tudo está mudando. A gente tem que saber se reinventar. O importante é ficar de olho para tentar entregar um bom conteúdo. Não adianta fazer um formato todo inovador e o conteúdo ser fraco, bobo, não ser atraente. Então ficamos muito preocupados sempre com o conteúdo e como dar uma nova roupagem a um ótimo conteúdo.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você achou da polêmica envolvendo Marília Mendonça?

Obrigado! Seu voto foi enviado.