X

NOTÍCIAS

Publicada em 02/06/2020 às 08:09 | Atualizada em 02/06/2020 às 09:35

Thiago Salvático, suposto companheiro de Gugu Liberato, desiste de brigar pela herança do apresentador

Segundo informações do colunista Leo Dias, motivos pessoais levaram o chef de cozinha a desistir da ação

Da Redação

Divulgação

Mais uma reviravolta no caso da herança de Gugu Liberato. Thiago Salvático, que havia entrado na disputa alegando ter tido um relacionamento por anos com o apresentador, desistiu da briga que envolvia também Rose Miriam di Matteo, a companheira e mãe dos filhos de Gugu. 

Segundo informações do colunista Leo Dias, o chef de cozinha confirmou a decisão e a Justiça de São Paulo já reconheceu a desistência de Thiago. Aparentemente, segundo pessoas próximas disseram, motivos pessoais o levaram a desistir do processo de disputa pela herança de Gugu.

Vale citar que, apesar de ter saído da disputa pela herança, Thiago poderia muito bem entrar com outra ação para, dessa vez, ter apenas a sua união estável com Gugu reconhecida. 

Recentemente, as filhas gêmeas de Gugu, Marina e Sofia, se envolveram em uma confusão e tanto com Aparecida Liberato, a irmã de Gugu, que é inventariante do espólio do apresentador.

Procurado pelo ESTRELANDO, Nelson Willians, advogado que representa Rose Miriam, enviou o seguinte comunicado sobre o assunto:

Desde o início afirmei que o aparecimento repentino desse senhor só tinha a finalidade de tumultuar o processo principal, que é o reconhecimento de União Estável da viúva Rose Miriam com Gugu Liberato; além de provocar imenso desconforto a seus familiares e ir contra os desejos do próprio apresentador. Quando vivo, Gugu nunca apresentou à família e ao seu grande público — em nenhum momento de sua vida — outra condição senão aquela revelada em inúmeras capas de revistas e reportagens, a de um homem de família heterossexual. Não tendo, agora, nada mais a comentar.

Logo abaixo, relembre heranças que deram o que falar!


A separação dos bens de Marília Pêra também virou uma novela. A atriz, que morreu em 2015 por conta de um câncer, deixou um testamento, mas seu marido e familiares entraram em conflito. Segundo a colunista Patrícia Kogut, a atriz deixou 87,5% de seus bens para a irmã e os três filhos e 12,5% para Bruno Faria, com quem tinha uma união estável com separação de bens. Bruno chegou a brigar na justiça para ter direito a metade do patrimônio de Marília, enquanto a família da atriz defendeu que o desejo da atriz, manifestado no testamento, fosse mantido.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você acha dos términos de Maiara e Fernando?

Obrigado! Seu voto foi enviado.