X

NOTÍCIAS

Publicada em 06/12/2020 às 22:00 | Atualizada em 06/12/2020 às 22:18

Na CCXP Worlds, Gal Gadot agradece ao carinho dos fãs brasileiros e Pedro Pascal fala de seu personagem em Mulher-Maravilha 1984; saiba mais!

O painel do novo filme da heroína aconteceu na noite deste domingo, dia 6

Carolina Rocha

Divulgação

A CCXP Worlds chegou ao fim na noite deste domingo, dia 6 - mas não antes sem um incrível painel de Mulher-Maravilha 1984, que contou com a presença dos atores Chris Pine, Gal Gadot, Kristen WiigPedro Pascoal, além da diretora Patty Jenkins. Logo de cara, Kristen falou um pouquinho sobre a sua personagem, a interessante Cheetah.

Posso dizer que ela vai passar por muitas evoluções. No começo do filme ela é muito estranha, socialmente invisível, e no resto do filme ela se torna bem visível. Foi quase como interpretar três personagens, porque ela vai de muito quieta, para alguém mais extrovertida, até se tornar a real Cheetah.

Gal Gadot, além de ter agradecido muito ao carinho dos fãs brasileiros - e ter dito que espera retornar ao Brasil em breve -, elogiou a diretora mais uma vez.

O jeito como Patty fez toda a história é tão cativante, bonita, complexa, e a tensão está sempre lá. Eu não sei de muitos filmes que foram feitos em quase oito meses. E nós fizemos tudo ao redor do mundo. É bastante, exige muito.

Max Lord

Pedro Pascal, queridinho dos brasileiros, ainda deu detalhes sobre Max Lord, seu personagem em Mulher-Maravilha 1984, e contou quais foram as coisas que o marcaram nos anos 80.

Eu passei muito dos aos 80 em San Antonio, no Texas. Eu e minha irmã tínhamos TV a cabo, íamos muito no cinema e em shows. Então eu fui muito impactado pelas coisas lindas representadas nesse filme. Muito da minha imaginação, esperanças e sonhos e foram construídas por filmes dos anos 80. Foi um ano que me moldou, é basicamente a razão pela qual eu sou eu.

Apesar de não ter dado muitos spoilers, o ator confessou que conseguiu se encontrar dentro da equipe que trabalha no filme.

- Foi a coisa mais especial dessa experiência, porque eu e Kristen fomos muito bem recebidos nessa família. Estávamos muito nervosos em entrar em uma coisa que foi tão bem construída da primeira vez, mas tivemos a mesma química com todo mundo, como se fosse o primeiro filme, e Patty, Gal e Chris tornaram essa uma experiência maravilhosa.

Por fim, Pascal garantiu que o longa vai ter muitas surpresas.

- Tudo nesse filme é surpreendente. Desde grande revelações na história, até detalhes pequenos sobre os personagens. A experiência em trabalhar com esse personagem na visão de Patty Jenkins foi desafiadora, mas acho que ele é excepcionalmente diferente dos vilões típicos.

Mulher-Maravilha 1984 chega nos cinemas no dia 17 de dezembro. E aí, você já comprou o seu ingresso?

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você achou de Marco Pigossi assumindo o relacionamento com um diretor italiano?

Obrigado! Seu voto foi enviado.