X

NOTÍCIAS

Publicada em 28/07/2021 às 12:36 | Atualizada em 28/07/2021 às 12:50

Príncipe Harry nega que estaria esperando a morte da Rainha Elizabeth II para lançar livro; entenda!

Jornal britânico havia noticiado que o filho da princesa Diana estava esperando a avó morrer para lançar livro sobre a família real

Da Redação

Divulgação

Logo depois de anunciar sua autobiografia, o jornal britânico Daily Mail havia noticiado que o príncipe Harry havia assinado um contrato milionário para a publicação de quatro livros e que estaria esperando a morte da avó, a Rainha Elizabeth II, para lançar o segundo deles. 

No entanto, os advogados do filho da princesa Diana entraram em contato com o veículo para desmentir os boatos, afirmando que eram relatos falsos e difamatórios, além de reforçarem que Harry está trabalhando em apenas uma autobiografia.

O duque não está esperando pela morte da avó para escrever um segundo livro. Há apenas um livro de memórias planejado pelo duque e que será publicado no próximo ano. Os editores não voaram para os Estados Unidos; o acordo de publicação não foi negociado pessoalmente pelo duque, e os números são imprecisos; ele não trouxe pessoalmente um pacote para a mesa, retificou o Daily Mail.

A obra do marido de Meghan Markle deve chegar às livrarias no final de 2022 e será publicada pela editora Penguim Random House, sendo que todo dinheiro recebido pelas vendas será doado para a caridade.

Não estou escrevendo isso como o príncipe que nasci, mas como o homem que me tornei. Usei muitos chapéus ao longo dos anos, tanto literal quanto figurativamente, e minha esperança é que, ao contar minha história – os altos e baixos, os erros, as lições aprendidas – eu possa ajudar a mostrar que, não importa de onde viemos, temos mais em comum do que pensamos, disse Harry em comunicado.


Recentemente, durante a série documental The Me You Can't See, idealizada por Harry em conjunto com Oprah Winfrey, o ruivo chegou a explicar o motivo de chamar Londres de gatilho: - Durante a maior parte da minha vida, sempre me senti preocupado e um pouco tenso sempre que voltava para o Reino Unido, sempre que voltava para Londres. Eu estava tipo: Por que me sinto tão desconfortável? E eu nunca consegui entender o porquê. Eu estava ciente disso. Eu não sabia disso na época, eu era mais jovem, mas depois que comecei a fazer terapia e coisas assim, fiquei ciente disso. Para mim, Londres é um gatilho por causa do que aconteceu com minha mãe.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

A primeira treta de A Fazenda 13 aconteceu! De que lado você está?

Obrigado! Seu voto foi enviado.