X

NOTÍCIAS

Publicada em 19/08/2021 às 14:28 | Atualizada em 19/08/2021 às 14:36

Selena Gomez revela não ter senha de seu Instagram e desabafa sobre saúde mental: Me senti um objeto

A cantora é capa da revista norte-americana ELLE, que estará nas bancas no mês de setembro

Da Redação

Divulgação

Ela já foi a celebridade mais seguida do Instagram, mas hoje não tem nem a senha! Selena Gomez está na capa da edição de setembro da revista norte-americana ELLE e decidiu desabafar sobre carreira, saúde mental e problemas pelos quais passou nos últimos anos.

Meu lúpus, meu transplante de rim, minha quimioterapia, lidar com as minhas doenças mentais e passar por desilusões amorosas publicamente, todas essas coisas tinham tudo para ter me derrubado. Toda hora, acontecia algo e eu ficava me perguntando: O que mais?! Com o que mais eu vou ter que lidar? E aí eu dizia para mim mesma: Você vai ajudar as pessoas! E isso foi realmente o que me fez continuar, disse.

A cantora já havia falado em outras ocasiões que estava cansada dos holofotes e das fake news e, por isso, estava pensando em se aposentar da música. Ao que parece, esse sentimento continua, mas a ideia de abandonar os fãs desapareceu.

Acho que nunca vou parar de fazer música. Não estou dizendo que quero um Grammy. Eu apenas sinto que estou fazendo o melhor que posso, e é tudo sobre mim. Às vezes, isso pode realmente me afetar.

Quando questionada sobre as consequências da fama, Selena relembrou que sofreu muito com as manchetes no tempo em que ficou em uma clínica de reabilitação:

Eu não sei o que eles achavam que eu estava fazendo. Drogas, bebidas, passeando, festejando. As manchetes eram nojentas. Por um tempo, me senti um objeto, desabafou.

A musa também foi cobrada para ter o corpo ideal e as redes sociais só atrapalharam o processo de autoaceitação. Sendo assim, ela tomou uma decisão um tanto quanto drástica: entregar a senha à sua equipe e se afastar da web.

Eu passei muitos anos tentando me parecer com outras pessoas. Eu via fotos e pensava: Meu Deus, por que eu não sou assim?. Nada disso era bom pra mim. [...] Eu não tenho mais [as redes sociais] no meu telefone, então não há tentação. De repente, tive que aprender a lidar comigo mesma. Isso era irritante porque, no passado, eu podia passar horas olhando a vida de outras pessoas. Eu passaria por quase dois anos no feed de alguém e então perceberia: Eu nem mesmo conheço essa pessoa! Agora eu recebo as informações da maneira adequada. Quando meus amigos têm algo para conversar, eles me ligam e dizem: Oh, eu fiz isso. Eles não dizem: Espere, você viu minha postagem?, finalizou.

A seguir, confira os cliques do editorial:

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você achou da reconciliação entre Sammy e Pyong Lee?

Obrigado! Seu voto foi enviado.