X

NOTÍCIAS

Publicada em 08/01/2022 às 15:32 | Atualizada em 08/01/2022 às 15:32

Michel Teló é acusado de gravar clipes em sítio sem autorização dos donos, diz colunista

Proprietários pedem cerca de 100 mil reais de indenização

Da Redação

Divulgação

Parece que Michel Teló entrou em uma fria! Segundo informações do colunista Ancelmo Gois, do O Globo, o cantor e sua equipe estão sendo acusados de invasão pelos proprietários de um sítio por gravarem clipes no local sem autorização. A propriedade fica localizada na cidade de  Catuçaba, no interior de São Paulo. 

As supostas invasões teriam começado a acontecer a partir de 2020, quando Michel gravou os clipes das músicas O Tempo Não Espera Ninguém, Sonhos e Planos, Para Ouvir no Fone e Verão de um Amor Caipira.

Os proprietários pedem cerca de 100 mil reais de indenização, somados aos danos material e moral.

Em comunicado enviado à imprensa. A assessoria do cantor escreveu:

O escritório do cantor Michel Teló vem por meio desta esclarecer que não recebeu qualquer informação, citação ou aviso sobre o processo pelo qual o cantor está sendo acusado de usar um sítio para gravações de clipes, sem autorização. Portanto, não temos nada a declarar sobre o mesmo.

Eita! 

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual término (até agora) do mês de maio te chocou mais?

Obrigado! Seu voto foi enviado.