X

NOTÍCIAS

Publicada em 16/02/2021 às 15:30 | Atualizada em 16/02/2021 às 14:15

Salma Hayek descreve cena de sexo com Antonio Banderas como traumatizante: - Comecei a chorar

Os atores contracenaram no longa A Balada do Pistoleiro, de 1995

Da Redação

Divulgação

Apesar de parecer perfeita, a vida das atrizes nem sempre é fácil - principalmente quando elas têm que interpretar papéis íntimos nas produções que trabalham. Diversas atrizes já comentaram sobre a dificuldade em gravar cenas de nudez e sexo e, recentemente, Salma Hayek também se abriu em relação ao assunto.

De acordo com o Daily Mail, Salma deu uma entrevista ao podcast Armchair Expert e classificou a experiência de filmar o longa A Balada do Pistoleiro, de 1995, ao lado de Antonio Banderas, como traumatizante graças a uma cena de sexo com o ator - cuja existência não havia sido comunicada anteriormente:

- Quando íamos começar a filmar, comecei a soluçar… [Eu disse] não sei se vou conseguir. Estou com medo.

Ela lembra ainda que uma das coisas que a assustou foi a segurança de Banderas, que parecia completamente à vontade com a situação:

- Uma das coisas que me assustou foi Antonio. Ele era um cavalheiro absoluto e tão legal, e ainda somos super amigos, mas ele era muito livre. Me assustou que, para ele, aquilo não fosse nada. Comecei a chorar e ele disse: Meu Deus. Você está me fazendo sentir péssimo. E eu estava com tanta vergonha de chorar.

Hayek adicionou que tanto Banderas quanto o diretor do filme, Robert Rodriguez, foram incríveis e compreensivos, tentando ajudá-la a descontrair e relaxar para gravar a cena:

- Eu não estava largando a toalha. Eles tentaram me fazer rir. Eu a tirava por dois segundos e começava a chorar de novo. Mas nós superamos isso. Fizemos o melhor com o que podíamos fazer na época. Quando você não é você, então você pode fazer isso. Mas ficava pensando em meu pai e em meu irmão: E se eles virem [o filme]? E eles vão ser provocados? Homens não têm isso. [Se você for um homem], seu pai vai ficar: Sim! Aquele é meu filho!

A atriz, no entanto, parece ter superado essa situação - não só por ter conseguido filmar o longa, mas também por ter voltado a trabalhar ao lado de Banderas em diversas situações, como em Era uma vez no México, Grande Hotel, Gato de Botas e Frida. A dupla ainda irá aparecer no filme Dupla Explosiva 2, que tem previsão de estreia para agosto de 2021.

A seguir, veja outros atores que abriram o jogo sobre cenas nudez!


Paolla Oliveira viveu uma garota de programa na minissérie Felizes Para Sempre?, da Globo. Em entrevista ao site da atração, Paolla revelou que não usou dublês nas cenas de sexo e encarou com naturalidade as gravações: - É da nossa vida a nudez, a sexualidade, a sensualidade. Essas cenas todas contam histórias, lidei com naturalidade. A direção foi delicada e foi tranquilo de fazer. O diretor, Fernando Meirelles, garantiu: - A percepção que o público tem da Paolla mudou 360 graus.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual separação mais te chocou?

Obrigado! Seu voto foi enviado.