X

NOTÍCIAS

Publicada em 18/06/2021 às 13:40 | Atualizada em 18/06/2021 às 13:46

Após sofrer ataques na web, Luísa Sonza é capa da Elle View Brasil e faz desabafo: - Ninguém deve pagar esse preço por viver o seu sonho

A cantora falou sobre seu afastamento das redes sociais e sobre o adiamento de seu novo álbum, Doce 22

Da Redação

Divulgação-Vivi Bacco

Nesta sexta-feira, dia 18, a revista Elle View Brasil divulgou uma entrevista realizada com Luísa Sonza após os ataques que ela sofreu de internautas pela morte do filho de seu ex-marido, Whindersson Nunes, e seu consequente afastamento das redes sociais. Ao longo da conversa, a artista fez uma série de desabafos sobre a situação, e entregou que está fazendo acompanhamento psicológico.

Luísa começa comentando sobre a exposição que sua vida pessoal acabou tendo conforme sua trajetória caminhava, e entrega que nunca desejou nenhum sofrimento como consequência de sua carreira: 

- Nunca quis expor a minha vida pessoal. Eu só queria fazer música, ter a liberdade de cantar, de amar uma pessoa que é tão incrível e não fazer com que ela tenha que pagar um preço que não é dela. Eu faço música desde os sete anos [de idade], nasci pra isso. Não quero ser atacada na rua, não quero ver meu caráter sendo reduzido a nada, não quero que minha família sofra diariamente, não quero que meu namorado sofra sem ter culpa nenhuma, não quero que meu ex-marido sofra com isso também. Ninguém deve pagar esse preço por viver o seu sonho. 

Ela, então, comenta sobre ter sido julgada ao longo de um ano por conta do fim de sua relação com Whindersson Nunes, e lamenta o fato de não ter sido levada à sério quando dizia que não havia traído o ex-esposo. Toda essa situação resultou no brusco desabafo de Luísa que ocorreu após a morte prematura do filho de Whindersson, com a cantora sendo afastada da web por sua equipe. 

- É um eterno tribunal. Eu pensava: não liga pra isso, você está na sua verdade, faz as suas coisas, acredita no teu. Achava que ia melhorar assim, mas só piorou. Em um primeiro momento, fui afastada das redes sociais, porque estava em crise. E agora excluí todas elas do meu celular. Não estou com cabeça para lidar com a internet novamente. Preciso realmente cuidar um pouquinho da minha saúde mental. Estou há dias sem mexer nisso, com acompanhamento psiquiátrico e psicológico, e já me sinto bem melhor. 

Acontece que Luísa não é a única a sofrer com essa situação. Como a cantora comentou anteriormente, os ataques também atingem seu namorado, o cantor Vitão, e as famílias dos dois jovens, o que faz com que ela nem mesmo saiba como definir o que está acontecendo: 

Preciso me cuidar para também tranquilizar a minha família. E tenho que pensar na minha equipe e na família do Victor. Sandra, a minha sogra, de um ano pra cá, viu o filho tendo o trabalho e o sonho prejudicados por nada. Isso ultrapassa qualquer coisa que eu já tenha visto. O que é isso? É uma coisa chocante? Desesperadora? Qual a palavra pra isso? 

Enquanto a artista passa por esse período de maior cuidado com a saúde mental, os lançamentos de sua carreira ficam em segundo plano. Com um álbum pronto, a cantora brinca que está fingindo ser apenas Luísa, e não Luísa Sonza. Por isso, os singles e clipes da obra - que levaram 14 meses para ser concluída e que conta com 28 instrumentistas diferentes, além de inspirações em Britney Spears, Christina Aguilera e Elis Regina - terão que esperar: 

- Ele seria lançado dia 22 de junho – eu soltaria a primeira divulgação no dia primeiro. Mas chegou um ponto em que tive que parar para processar tudo. Sonho muito que as pessoas prestem atenção nele inteiro. Nesse álbum, eu apareço dividida. No lado A, estou fortona e, no lado B, vou ladeira abaixo. Quando eu melhorar, ainda não sei quando, vou vestir a minha capa de Luísa Sonza, a persona, para lançar o álbum e as outras coisas, mas depois vou ficar um pouquinho afastada. Agora estou um pouco triste ainda pra fazer isso. 

O disco, que irá se chamar Doce 22, é visto com tanta importância pela cantora que ela chegou a eternizar o título em uma tatuagem feita nas costas de sua mão esquerda. Mas essa importância e o peso de sua carreira não foram deixados de lado pelos acontecimentos recentes. Mesmo diante da situação, ela entrega que o amor que recebe dos fãs é o que a motiva a seguir em frente: 

- É muito triste que, por exemplo, dois jovens – o Victor tem 21 anos de idade e eu tenho 22 – não possam andar nas ruas sem ser xingados. Mas a gente também recebe muito carinho, muito apoio dos fãs. Se não tivesse todo esse amor em contrapartida, não faria sentido nenhum eu estar aqui, depois de seis anos levando essas pauladas. As pessoas que me acompanham é que me dão vida.  

A seguir, relembre as vezes em que Luísa Sonza desabafou sobre críticas:


Ao publicar a foto acima em seu Instagram, Luísa recebeu uma chuva de comentários dizendo que seus seios estavam caídos. Nos Stories, a cantora se pronunciou ao escrever: Sobre os comentários na minha última foto. Vocês vivem em que mundo? Porque eu acho que não é o mesmo que o meu. Eu tô pasma. Seja real. Ela continuou: Gente, não quero o mal de ninguém. Não me importo com os comentários. Não faz diferença para mim, mas pelas tantas mulheres que sofrem com autoestima e com esses padrões, meu coração não me deixa ficar calada. E finalizou, dizendo que existem mulheres com diversos tipos de corpos: Tem peito caído, tem peito que vai cair, tem bunda caída, tem bunda que vai cair, tem estria, celulite, alta, baixa, magra, gorda...Tem mulher.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

De qual lado da confusão da família Medina você está?

Obrigado! Seu voto foi enviado.