X

NOTÍCIAS

Publicada em 13/10/2019 às 14:27 | Atualizada em 13/10/2019 às 17:37

Kate Middleton e sua família vão à sessões de terapia junto com o irmão dela, que sofre de depressão; diz site

James Middleton revelou que sofre de depressão no início deste ano

Da Redação

Montagem-The Grosby Group

James Middleton, irmão mais novo de Kate Middleton é muito grato pelo apoio que tem recebido de sua família desde a revelação de sua depressão no início deste ano. O empresário, que recentemente anunciou o noivado com Alizee Thevenet, uma analista financeira francesa, continua muito aberto sobre seus problemas e abriu o jogo sobre a importância dos membros familiares em sua recuperação.

Em entrevista para o The Telegraph, James, que tem 32 anos de idade, afirmou que ele não conseguia fazer nada antes de procurar tratamento.

- Eu não conseguia dormir, não conseguia ler um livro, ver um filme, comer, declarou ele, completando que também tinha muita dificuldade em falar com a família na época.

- O fato é que, não importa a experiência que alguém possa ter, os membros de sua família são as pessoas mais difíceis [de conversar]... Você também tem uma maneira muito diferente de interagir com sua família do que com seus amigos. Eu sou o filho mais novo, então acho que isso é normal. E eles estão tão sintonizados com você que podem ver o que as outras pessoas não conseguem.

Depois de visitar um hospital psiquiátrico particular para uma consulta, James passou quase um ano em terapia cognitivo-comportamental, às vezes participando de sessões com sua família, incluindo a Duquesa de Cambridge

- Isso foi muito importante porque os ajudou a me entender e como minha mente estava funcionando. E acho que a maneira como a terapia me ajudou foi que eu não precisava que minha família dissesse: O que podemos fazer?. A única coisa que eles podiam fazer era chegar a algumas sessões de terapia para começar a entender.

James acrescentou que está consciente de que ainda não se livrou de sua depressão, mas que está muito satisfeito por tudo que passou.

- Era um lugar escuro e miserável, mas o fato é que há esperança no final. Exige esforço e energia, mas o outro lado é... A grama pode ser mais verde do que era antes. Para mim, agora, há uma sensação de que posso enfrentar qualquer coisa, da maneira mais agradável possível. Não de uma maneira [combativa]. Porque se eu posso falar sobre minha saúde mental e as coisas pelas quais sou apaixonado e a maneira como realmente me sinto... Bem, então não estou fingindo ser alguém. Esse é quem eu sou.

A seguir, confira 13 homens famosos que já falaram sobre corpo e saúde mental! 


James Corden deu uma entrevista, em 2016, para a revista Rolling Stone e falou sobre como lidava com o bullying na escola: - Se você é uma pessoa grande na escola, tem duas escolhas: Você será um alvo. No meu caso, indo para a escola, eu pensava: Certo, então eu só vou me tornar um alvo ainda maior. Minha confiança, ela vai aterrorizar os meninos. Era assim que eu me sentia na escola. Ele também criticou a representação de pessoas gordas em Hollywood: - Eu nunca entendo quando assisto comédias românticas. Essa ideia de que, por alguma razão, pessoas não atraentes ou gordas não se apaixonam. Se isso acontece, é de um jeito meio estranho - e não é assim. Disse tudo, né?

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você sentirá saudades da novela A Dona do Pedaço?

Obrigado! Seu voto foi enviado.