X

NOTÍCIAS

Publicada em 02/02/2020 às 13:07 | Atualizada em 02/02/2020 às 13:12

Amber Heard confessa ter agredido Johnny Depp em áudio, veja!

A polêmica que envolve o ex-casal se iniciou em 2016, assim que a atriz fez uma denúncia de agressão por parte do ator

Da Redação

The Grosby Group

Parece que a polêmica envolvendo Johnny Depp e Amber Heard está longe de acabar. Isso porque, em um áudio divulgado pelo jornal Daily Mail, a atriz admitiu ter agredido o ex-maridoDe acordo com o jornal, a gravação foi feita em 2015 , quando os artistas passavam por terapias para tentar salvar o casamento.

- Lamento ter batido em seu rosto com um tapa, mas eu não estava batendo em você com um soco. Eu não sei qual foi o movimento da minha mão, mas você está bem, eu não te machuquei, não te dei um soco, estava apenas batendo em você, diz Heard durante a conversa.

No mesmo áudio, que teria sido gravado de forma consensual pelo ex-casal e divulgado para o jornal através de uma fonte próxima deles, Johnny Depp conta que tentou fugir da briga e chegou a pedir ajuda ao seu gerente de construção, Travis. A atriz, por sua vez, zombou das falas do ex-marido ao dizer:

- Para te salvar? Travis ao resgate!

Em outro trecho do áudio, Amber, que é embaixadora dos direitos das mulheres, provocou Depp por querer fugir da discussão, dizendo a ele: 

- Você é um bebê. Cresça Johnny, p***a. Você cutuca um animal o suficiente, eventualmente, não importa o quão amigável seja, Ele vai te morder.

- Eu saí ontem à noite. Sinceramente, juro a você porque simplesmente não conseguia aceitar a ideia de mais confronto, mais abuso físico um do outro. Porque se tivéssemos continuado, teria ficado muito ruim. E, baby, eu te disse isso uma vez. Estou morrendo de medo, somos uma cena de crime agora, afirmou Depp.

A atriz, que pediu o divórcio em maio de 2016 acusando Depp de agredi-la durante o casamento, ainda advertiu: 

- Não posso prometer que não voltarei a me exceder. Deus, eu às vezes fico tão brava que eu perco o controle.

Confira o áudio completo da conversa, em inglês, a seguir:

Vale dizer que, em meio a polêmica, o ator entrou com um processo de difamação de 50 milhões de dólares, cerca de 191 milhões de reais, depois que Heard escreveu um artigo para o The Washington Post detalhando suas experiências como suposta vítima de violência doméstica

Me tornei uma figura pública representando o abuso doméstico e senti toda a força da ira da nossa cultura pelas mulheres que se manifestam, escreveu ela no artigo, que não mencionava nominalmente o ex-marido. 

Depp alegou, no entanto, que isso o implicou como o agressor, prejudicando sua reputação e fazendo com que ele perdesse seu rentável papel do capitão Jack Sparrow. No processo diz que ele é vítima de uma fraude elaborada instigada pela ex-mulher para gerar publicidade positiva e avançar em sua carreira. 

Senhora. Heard não é vítima de abuso doméstico; ela é uma perpetuadora. Ela bateu, deu um soco e me chutou. Ela também repetidamente e frequentemente jogava objetos em meu corpo e cabeça, incluindo garrafas pesadas, latas de refrigerante, velas acesas, controles remotos de televisão e latas mais finas de tinta, o que me machucou gravemente, diz Depp

No depoimento do ator, inclusive, mostra provas de supostas agressões sofridas por ele enquanto estava casado com Amber.

A atriz, por sua vez, respondeu as alegações com um processo de 300 páginas, catalogando o abuso horrível que ela afirma ter sofrido nas mãos de Depp, descrevendo-o como o monstro e lembrando muitas das alegações que ela fez durante o divórcio.

A seguir, saiba mais sobre a polêmica envolvendo o divórcio de Johnny Depp e Amber Heard!


Já em abril de 2019, Johnny alegou ter provas incontestáveis de que não tinha agredido Amber. Ele reuniu algumas imagens de câmeras de vigilância e depoimentos para comprovar as suas declarações. Agora, é a atriz que não responde aos argumentos do ex-marido. Será que o jogo virou?

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

O que você achou desse suposto envolvimento entre Irina Shayk e Kanye West?

Obrigado! Seu voto foi enviado.