X

NOTÍCIAS

Publicada em 05/05/2021 às 18:35 | Atualizada em 05/05/2021 às 18:51

Paulo Gustavo confessou, em maio de 2020, que tinha medo de morrer de Covid-19

O humorista também declarou que acreditava que sua função na Terra era fazer as pessoas rirem

Da Redação

Divulgação

Como você viu aqui no ESTRELANDO, Paulo Gustavo morreu na última terça-feira, dia 4, por complicações da Covid-19. Infelizmente, o humorista tinha apenas 42 anos de idade, e estava internado desde o dia 13 de março para tratar da doença. Desde o início da pandemia, o ator defendia o isolamento social e todas as medidas restritivas sugeridas pela OMS (Organização Mundial da Saúde) - e chegou até mesmo a confessar, em uma entrevista feita em maio de 2020, que tinha medo de morrer por causa do novo coronavírus.

Eu tenho problema respiratório. Eu tenho muito medo. Eu vejo essas matérias das pessoas dizendo que a medicina não sabe ainda como é que esse vírus reage dentro de cada pessoa., afirmou.

Paulo, que conversava com a amiga Ingrid Guimarães no programa Além da Conta, do canal GNT, ainda fez um desabafo sobre todas as incertezas que permeiam o vírus.

Agora em casa, a gente está mais sensível. Acaba ficando mais carente em alguns momentos e tal. E assim, televisão é f**a. Cada hora você vê uma notícia nova. Eu tenho medo de pegar isso e a pessoa [médico] não saber o que usar em mim e morrer. Então eu tenho medo. E às vezes você pode ser uma pessoa que é assintomática, que não tem sintoma, mas você pode passar para uma pessoa que está do seu lado. Então de todos os lados eu prefiro ficar na quarentena, já que eu posso.

Apaixonado, o comediante também declarou que acreditava que sua função na Terra era fazer as pessoas rirem.

Cada um tem uma função aqui na Terra. Eu sou comediante, tenho facilidade para fazer as pessoas rirem, e acho que as pessoas estão precisando disso. Acho que isso também é uma forma de ser carinhoso com quem está precisando, porque o que a gente faz pelas pessoas vai muito além só da brincadeira. A gente cura, transforma as pessoas. A gente usa o humor para isso.

Por fim, Paulo contou que estava aproveitando o período de quarentena para ficar com o marido, o dermatologista Thales Bretas, e os dois filhos, Romeu e Gael, de menos de dois anos de idade.

Eu estou amando estar com eles, amando esse momento meu. No meio dessa tragédia toda, eu estou podendo ver alguma coisa boa para mim, nessa história toda, que é poder ficar em casa com os meus filhos. Eu estou podendo curtir.

Assista ao vídeo abaixo:


Coincidências

Paulo Gustavo morreu no dia 4 de maio de 2021. Neste mesmo dia, há exatos 15 anos, estreava Minha Mãe É Uma Peça, no Teatro Candido Mendes, localizado em Ipanema, zona sul do Rio de Janeiro. O espaço tinha limite de 120 lugares e o espetáculo foi um sucesso desde o início, já que o ator realizou uma sessão extra logo no primeiro domingo, tamanha era a fila na porta. 

De acordo com o jornal O Globo, a peça foi difícil de ser montada. Déa Lúcia, mãe de Paulo Gustavo, pediu um empréstimo de mil reais para ajudar o filho. O pai e a madrasta do humorista deram mais dois mil reais. Apesar do início movido pela grana curta e muito improviso, os quatro anos seguintes do espetáculo levaram mais de 500 mil pessoas ao teatro. O resto dessa história você já sabe: foram três filmes sobre a icônica Dona Hermínia e um merecido reconhecimento de todo o país.

Paulo Gustavo também morreu no mesmo dia que o cronista Aldir Blanc, que também foi vítima do novo coronavírus. O letrista e compositor morreu no dia 4 de maio de 2020, aos 73 anos de idade, após ficar dois meses internado na UTI de um hospital do Rio de Janeiro.

Empatia

Paulo Gustavo não era só grande no humor. O artista também se preocupava com diversas causas sociais e chegou a doar um milhão e meio de reais para a organização Obras Sociais Irmã Dulce, de acordo com o Padre Julio Lancellotti.

Muita gente não sabe, mas o ator Paulo Gustavo era grande benemérito das Obras Sociais Irmã Dulce - Osid. Paulo Gustavo doou 600 mil reais para a construção de uma unidade de oncologia (tratamento de câncer) da Osid. Em 2017, quando a obra de construção iniciou, ele visitou o espaço. Mas o apoio não parou por aí. Segundo a superintendente da Osid e sobrinha de Santa Dilce, Maria Rita, Paulo Gustavo doou à instituição um total de 1,5 milhão de reais., escreveu o padre no Instagram.


Homenagem

A Prefeitura de Niterói, cidade no Rio de Janeiro onde Paulo Gustavo nasceu, marcou uma homenagem para o astro na noite desta quarta-feira, dia 5, às 20 horas. Além do luto decretado de três dias, a cidade também fará um minuto de aplausos em respeito ao comediante. Não só isso, mas já foi aberta uma consulta pública que sugere a mudança da Rua Coronel Moreira César para Rua Paulo Gustavo. A rua citada fica em Icaraí e também tem um cinema, ao qual algumas pessoas também sugerem que seja renomeado a partir de Paulo Gustavo.


A seguir, relembre a trajetória de Paulo Gustavo:


A Vila foi seu trabalho mais recente no Multishow, sendo que ele também contracenou com grandes nomes do entretenimento do humorístico.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Você acha que Marcos Mion se sairia bem no comando do BBB?

Obrigado! Seu voto foi enviado.